Dia a dia

Zelador é preso acusado de matar ‘amigo’ com 10 facadas durante noite de bebedeira

O zelador contou à reportagem que não se lembra do momento do homicídio, pois estava muito bêbado – Fotos: Janailton Falcão

O zelador João Guilherme da Silva, de 52 anos, foi preso acusado de matar o amigo dele, o auxiliar de cozinha Jackson Jorge da Silva, 52, com 10 facadas. O crime aconteceu na madrugada da última quinta-feira (8), dentro da residência da vítima, na rua Padre José de Anchieta, bairro Dom Pedro, Zona Centro-Oeste de Manaus.

O delegado contou que, antes de ligar para a polícia, o suspeito tentou encobertar o crime

João foi preso enquanto prestava depoimento na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

À reportagem o zelador contou que não se lembra de ter esfaqueado a vítima, pois estava sob forte efeito de bebidas alcoólicas. “Se eu fiz, eu não lembro. Eu estava bêbado e não sei o que fiz. Eu conhecia ele [Jackson] há pouco tempo, cuidava dos apartamentos do tio dele. Se eu pudesse, me enterrava de vergonha, pois minha família está sofrendo. Nunca fiz algo assim”, alegou.

De acordo com o delegado Juan Valério, titular da DEHS, João Guilherme e Jackson bebiam na residência da vítima, quando começou uma briga. O zelador se armou com uma faca e desferiu 10 golpes nas costas do auxiliar de cozinha.

“Temos imagens das câmeras de segurança que mostram o momento em que eles estão na casa. Depois do acusado ter cometido o crime, ele tranca a porta do quarto da vítima e fecha as janelas para os vizinhos não sentirem o cheiro. Só algumas horas depois que ele pega o celular e liga para Polícia, avisando que tinha um corpo na casa”, disse Valério.

O zelador foi autuado em flagrante por homicídio qualificado. Ele será levado para audiência de Custódia na tarde desta sexta feira.

Ana Sena
EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir