Sem categoria

‘Zé Roberto’ ficará 30 dias em prisão domiciliar

‘Zé Roberto’ é considerado de alta periculosidade e que há risco de ele tentar fugir, por isso, além da tornozeleira, o preso terá escolta policial

‘Zé Roberto’ é considerado de alta periculosidade e que há risco de ele tentar fugir, por isso, além da tornozeleira, o preso terá escolta policial

Após passar por um procedimento cirúrgico, o presidiário e líder da facção criminosa Família do Norte (FDN), José Roberto Fernandes Barbosa, 42, o ‘Zé Roberto da Compensa’, ficará 30 dias em casa, cumprindo prisão domiciliar, conforme decisão judicial.

Segundo a assessoria da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária da (Seap), o narcotraficante saiu do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) para se internar no Hospital Adventista de Manaus, na Zona Sul da capital, onde operou o joelho no último domingo (24).

Após receber alta hospitalar, na manhã dessa segunda-feira (25), ao retornar para o Compaj, a Seap foi informada sobre a decisão judicial, de que ‘Zé Roberto’ estava liberado por 30 dias e cumpriria prisão domiciliar, mediante a monitoração eletrônica e com escolta policial.

O Ministério Público do Amazonas (MP-AM) solicitou que a permissão de saída fosse realizada com escolta e apenas pelo prazo necessário de recuperação do detento.

O MP ainda ressaltou que ‘Zé Roberto’ é considerado de alta periculosidade e que há risco de ele tentar fugir, por isso, além da tornozeleira, o preso terá escolta até retornar para o presidio.

Por equipe (EM TEMPO Online)

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir