Dia a dia

Vítima de explosão de cilindro de gás recebe alta nesta segunda

 

A mulher foi socorrida pelo Samu e encaminhada para o Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, na Zona Centro-Sul   - Foto: Ione Moreno

A mulher pegou alta na manhã nesta segunda-feira (16)Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, na Zona Centro-Sul – foto: Ione Moreno

Uma das dez vítimas da explosão em um cilindro de gás, no bairro Tancredo Neves, Zona Leste, recebeu alta na manhã desta segunda-feira (16). Gilson Pinheiro da Silva, 23, que estava no Hospital 28 de Agosto, Zona Centro-Sul, teve melhora no quadro clinico e foi liberado pelos médicos, segundo informou a Secretaria Estadual de Saúde (Susam).

De acordo com o boletim médico, continuam internados, também no 28 de Agosto, Ildevane de Souza Colares, 36, que permanece na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e apresentou melhora do quadro clínico; Maria de Fátima Auziel Pereira, 45; que se encontra na enfermaria, com boa evolução clínica; Darleno Duarte Pereira, 31, com boa evolução clínica. Tatiane Auziel Pereira, 21, que havia sido atendida com queimaduras de primeiro grau, no dia do acidente, no Hospital e Pronto Socorro Platão Araújo, Zona Norte, recebeu alta no dia seguinte, tendo de ser novamente internada após se sentir mal no final da tarde do último sábado (12) no Hospital 28 de Agosto.

Já no Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, Zona Leste, Luciane Auziel Pereira permanece na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em quadro estável. No Pronto Socorro da Criança da Zona Leste (Joãozinho) continua internada Marta Auziel Pereira, 8, na UTI, mas segue estável, respirando em ar ambiente e consciente.

No Pronto Socorro da Criança, Zona Sul, estão Laís Mirela de Moraes, 3, com 80% do corpo queimado, que se encontra internada na UTI, em estado grave estável; Lorelany Auziel Pereira, 3, que teve queimaduras em 60% do corpo e permanece internada na UTI, em estado grave e instável e Caio Pereira, 5, que teve queimaduras de 2º grau em 35% do corpo que se encontra em quadro estável na enfermaria do hospital.

O superintendente da Amazon Gás, Pedro Ferreira, informou que a empresa está dando total assistência às vítimas e seus familiares.

Por Michelle Freitas

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir