Dia a dia

Vigilância Sanitária interdita e notifica drogarias irregulares, no Lírio do Vale

De acordo com a Dvisa, o estabelecimento já havia sido notificado há oito meses, mas permaneceu atuando irregularmente - foto: divulgação

De acordo com a Dvisa, o estabelecimento já havia sido notificado há oito meses, mas permaneceu atuando irregularmente – foto: divulgação

A Drogaria Star, localizada na avenida Laguna, bairro Lírio do Vale, Zona Oeste de Manaus, foi interditada na manhã desta sexta-feira (15), pelo Departamento de Vigilância Sanitária (Dvisa), após o órgão constatar, durante uma fiscalização, que os medicamentos injetáveis não estavam na temperatura adequada e que o estabelecimento estava sem a presença de um farmacêutico.

De acordo com a Dvisa, o estabelecimento já havia sido notificado há oito meses, mas permaneceu atuando irregularmente com descumprimento às exigências do Conselho Regional de Farmácia do Estado do Amazonas (CRF-AM) e a Lei Municipal 392/97.

Na ocasião, outras duas farmácias também foram fiscalizadas. Em uma delas, a Drogaria Trindade também foi encontrada irregularidade. O estabelecimento foi notificado e tem até três dias para apresentar defesa e tomar as devidas providências.

Uma terceira drogaria também foi inspecionada pela Vigilância Sanitária e estava dentro dos padrões estabelecidos pelo órgão.

A Drogaria Trindade também foram encontradas irregularidade- foto: divulgação

Na Drogaria Trindade também foi encontrada irregularidade- foto: divulgação

A Dvisa não soube precisar ao EM TEMPO Online a data da última blitz, mas o órgão afirmou que, devido ao forte calor, todas as zonas da capital serão vistoriadas, a fim de detectar se os medicamentos estão sendo expostos a temperatura adequada, além de outras irregularidades.

Outra reclamação dos consumidores é a falta de medicamentos nas prateleiras de várias drogarias. Na próxima semana, as demais zonas serão vistoriadas, mas já na segunda-feira (21), serão definidos os primeiros bairros a serem visitados. Áreas onde a demanda de denúncias estiver mais alta terão prioridades na fiscalização, segundo a Dvisa.

Denúncias de drogarias e estabelecimentos que estejam atuando de forma irregular podem ser feitas através do telefone 0800 092 0123.

Por Conceição Melquíades

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir