Variedades

Usuários do Facebook podem ter que pagar para ler notícias, confirma empresa

 

                                  Diego Jorge Dzodan é o principal executivo da empresa no Brasil – Divulgação

Em uma conferência realizada em Nova York nesta terça-feira (18), a diretora de parcerias do Facebook Campbell Brown, afirmou que a empresa está trabalhando na implementação de um sistema de assinaturas de notícias na plataforma, semelhante ao utilizado por portais de notícias em todo o mundo. De acordo com o portal que acompanhou o evento, os primeiros testes do produto começarão já em outubro.

De acordo com as primeiras informações, não deve ser muito diferente dos outros serviços de paywall do mercado: depois que os usuários lerem 10 notícias gratuitas, eles terão que assinar o serviço para ter acesso a outras. Outro detalhe comentado pela diretora é de que o sistema também redirecionaria o usuário para a página oficial do jornal ou publicador, com o objetivo de incentivar o usuário a assinar o serviço.

Leia também: Zuckerberg diz que vai apertar cerco contra sensacionalismo no Facebook

“Uma das coisas que ouvimos de jornais e portais online é que ‘queremos um produto de assinatura no Facebook – nós queremos poder ter um paywall na rede social’”, teria dito a diretora da rede social, afirmando que o lançamento do produto “já está sendo feito”.

O  tal serviço não é um assunto recente. No último mês, representantes de sites como e New York Times deram a entender em entrevista que o sistema de assinaturas estava “sendo implementado” pelo Facebook. Brown não afirmou, entretanto, quando o serviço será oficialmente lançado.

Em comunicado oficial sobre o assunto, o Facebook se pronunciou: “Estamos em conversas iniciais com diversas organizações de mídia sobre como podemos dar melhor suporte aos modelos de negócio por assinatura no Facebook. Como parte do Projeto Facebook para Jornalismo, estamos trabalhando em estreita colaboração com nossos parceiros e para entender suas necessidades”, explicando que nem todos os usuários deverão pagar pela assinatura, que será ou não adotada pelos veículos.

Leia mais: 

TRE e Facebook fecham parceria para fiscalizar crime eleitoral

Facebook vem a Manaus capacitar empreendedores

Facebook vê ganhos crescerem 51% com 1,6 bilhão de usuários

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir