Esportes

Tufão e Holanda de olho na ‘Segundinha’

Coordenador de futebol Eduardo Clara estará à frente no projeto do centenário alviceleste, em 2018 – foto: Alberto César Araújo

Em busca de retornar à elite do futebol amazonense em 2018, São Raimundo e Holanda, de forma discreta, já começaram a estudar os planos a serem traçados para este segundo semestre. Ambas as equipes caíram nesta temporada e já estão de olho no retorno na próxima, com a disputa da Segunda Divisão do Campeonato Amazonense, que possivelmente será disputada em novembro.

O São Raimundo vem da pior temporada de sua quase centenária história, quando amargou a lanterna da competição desde a primeira rodada e ganhou o rótulo de saco de pancadas. O Tufão comemora 100 em 2018. Para tentar novamente o brilho que engrandeceu o clube no final dos anos 1990, a coordenação do departamento de futebol dirigida pelo ex-técnico Eduardo Clara “nas escuras”, começa a dar o ponta pé inicial no planejamento.

“Neste mês, está se definindo um grupo de trabalho, que serão pessoas que tomarão a frente do clube. No mês seguinte, daremos continuidade com reformas e estrutura. Em setembro, iniciaremos os trabalhos. Estamos em fase de definição dos que estarão à frente na gestão e não podemos noticiar nada até o momento”, contou Clara, em tom misterioso.

Reunião entre dirigentes, atletas e integrantes da comissão técnica do Holanda – foto: Uédio Leite/Holanda

Ajuda municipal

O Holanda não quer ficar de fora da elite em 2018. Para não deixar o clube em situação de abandono após a saída do gestor de futebol Luiz Américo, a prefeitura de Rio Preto de Eva resolveu assumir os atrasos salariais que restaram após a campanha do time que culminou na vice-lanterna do último Estadual.

“Vamos tentar colocar o Holanda de volta em Rio Preto da Eva. Estamos em fase de reunião para definir onde o time vai jogar. Vai depender de alguns parceiros comerciais, que ficaram de nos apoiar caso trouxermos o time para o interior. Uma coisa é certa: estaremos na disputa da segundinha a partir de novembro”, disse o vice-prefeito de Rio Preto da Eva, José Dantas de Medeiros Neto, conhecido como “Neto do Baixo Rio”.

João Paulo Oliveira
EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir