Mundo

Trump diz que foi sarcástico ao chamar Obama de ‘o fundador do EI’

“Eles não entendem sarcasmo?”, com a pergunta, o candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, escreveu em sua conta no Twitter que estava sendo sarcástico ao chamar o presidente Barack Obama de “fundador do Estado Islâmico”, tópico bastante explorado pelo noticiário nesta semana, em especial pela rede CNN, citada por Trump em seu tuíte.

Trump repetiu o ataque a Obama dezenas de vezes nas últimas semanas, em comícios e entrevistas, a última delas nesta quinta-feira (11).

“Ele [Obama] foi o fundador do Estado Islâmico. E ela [Hillary] também. Quer dizer, eu os chamo de cofundadores”, disse Trump em entrevista à rede de TV CNBC nesta quinta-feira (11). “Ele não deveria ter saído do jeito que saiu [do Iraque]. Foi um desastre o que ele fez.”

O republicano já havia se recusado a esclarecer o que queria dizer com a afirmação ou se estava sendo sarcástico. Na terça-feira (9), por exemplo, o apresentador de rádio Hugh Hewitt tentou conseguir alguma explicação de Trump nesse sentido.

“Não, eu disse que ele [Obama] é o fundador do Estado Islâmico. Eu digo isso”, respondeu o empresário. Ao dizer que Obama estava tentando derrotar os extremistas, o jornalista ouviu como resposta: “Eu não ligo. Ele era o fundador.”

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir