Dia a dia

Trio é preso no Parque 10 após trocar tiros com Força Tática; grupo efetuava assaltos com carro roubado

Bessa Passos e Cristian Castro foram presos em flagrante e encaminhados para o 12º DIP - foto: Divulgação

Bessa Dias Passos e Cristian Castro da Silva foram presos em flagrante e encaminhados para o 12º DIP; o terceiro suspeito foi para o pronto-socorro – foto: Divulgação

Bessa Dias Passos, 21, Cristian Castro da Silva, 24, e Edivan Dias Passos, 32, foram presos na tarde desta quinta-feira (13), na rua Barão de Jaseguai, situada no conjunto Parque das Laranjeiras, bairro Parque Dez, Zona Centro-Sul de Manaus, após troca de tiros com a Força Tática. O fato aconteceu após o grupo roubar um carro e efetuar vários assaltos na área.

Segundo o tenente Lívio Dutra, o trio roubou o veículo modelo HB20, de cor cinza, placa OAN-7791, levando junto o proprietário do automóvel, Joel Sávio de Matos Pinto. Com o carro, efetuaram vários roubos contra pessoas nas ruas e também em mercadinhos, tomando para si celulares e dinheiro.

De acordo com a autoridade policial, uma das vítimas informou ao patrulhamento da Força Tática que, em seguida, deu a ordem de busca. Ao encontrar o veículo com os infratores, a equipe mandou parar, mas eles não obedeceram e empreenderam fuga e atiraram contra os policiais.

“A equipe então revidou o ataque e acabou atingindo um deles, até que o patrulhamento conseguiu detê-los. No veículo foi encontrado um revólver calibre 38, quatro munições usadas e uma intacta”, disse Lívio Dutra.

 

Edivan, que é interno do semi-aberto, foi atingido pelos tiros e foi encaminhado para o Pronto-Socorro Platão Araújo. O proprietário do veículo, que estava como refém do grupo, foi atingido de raspão e recebeu atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e, depois, foi para o mesmo pronto-socorro.

Bessa, que é ex-presidiário, e Cristian, que também é interno do semi-aberto, foram presos em flagrante e encaminhados para o 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP), para a realização dos procedimentos cabíveis. As vítimas dos crimes também foram para a unidade policial e identificaram os infratores.

Manoela Moura
Portal EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir