Dia a dia

Três são mortos durante a noite em Manaus; um teria se envolvido com mulher de traficante

O corpo foi removidos para o Instituto Médico Legal (IML - foto: arquivo EM TEMPO

O corpo foi removidos para o Instituto Médico Legal (IML – foto: arquivo EM TEMPO

Três homicídios foram registrados durante a noite desse domingo (19) em Manaus. Uma das vítimas foi o pedreiro Elton da Luz Nascimento, 30, que foi morto a tiros e a facadas na comunidade Santa Bárbara, no bairro Val Paraíso, na Zona Leste de Manaus.

Conforme consta no Centro Integrado de Operações (Ciops), o homem estava um bar, situado na rua Careiro Castanho, em companhia de outras pessoas. Durante a bebedeira, Elton comentou que teria se envolvido com a mulher de traficante da área.

Ainda conforme o relatório do Ciops, o fato gerou um desentendimento entre a vítima e uma das pessoas que estavam no local. Eles chegaram a travar uma luta corporal e, durante a briga, o suspeito desferiu um golpe de faca que atingiu o peito de Elton, além de dois tiros na cabeça.

Já a família da vítima informou que o homem foi morto por engano, pois o mesmo não tinha envolvimento com o tráfico de drogas. Segundo eles, o alvo era a vizinha da vítima que vende entorpecentes no bairro

A outra vítima de homicídio durante à noite foi Willian da Silva Monteiro, 22. Ele foi morto com quatro tiros, no bairro Dom Pedro, na Zona Oeste da cidade.

De acordo com a polícia, o homem estava sentado em uma calçada nas proximidades da casa dele, na companhia da cunhada e um bebê de um ano, quando o suspeito se aproximou do local e efetuou os disparos na direção da vítima.

Ele ainda chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para o Serviço de Pronto Atendimento (SPA), mas morreu antes de chegar à unidade hospitalar.

Na Zona Norte, Ailton Correa dos Santos, 23, conhecido como ‘Sapinho’, foi morto na rua Joaquim Monteiro, bairro Colônia Terra Nova.

Segundo informações, o homem estava em via pública quando foi abordado por suspeitos que efetuaram os disparos. Ailton foi socorrido por populares e conduzido ao SPA do Galiéia, porém, não resistiu aos ferimentos e morreu horas depois de dar entrada no hospital.

Ailton foi socorrido por populares e conduzido ao SPA do Galiéia, porém, não resistiu aos ferimentos e morreu horas depois de dar entrada no hospital.

Todos os crimes estão sendo investigados pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Por equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir