Dia a dia

Trânsito contará com nova tecnologia para monitoramento em Manaus

O Sintrans, classificado pelo órgão como um moderno sistema de controle operacional com tecnologia móvel, começa a vigorar a partir de amanhã (14) fotos: Alex Pazuello/ Semcoom

O Sintrans, classificado pelo órgão como um moderno sistema de controle operacional com tecnologia móvel, começa a vigorar a partir de amanhã (14) fotos: Alex Pazuello/ Semcoom

Um novo sistema de monitoramento de trânsito foi lançado na manhã desta segunda-feira (13), durante uma coletiva, realizada na sede da prefeitura, localizada na Zona Oeste, que contou com a presença do prefeito Arthur Neto e secretários municipais. De acordo com o presidente do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans), Paulo Henrique, o novo aplicativo (Sintrans) vai permitir o melhor gerenciamento operacional das ocorrências no trânsito e segurança nas notificações de infrações.

O  Sintrans, classificado pelo órgão como um moderno sistema de controle operacional com tecnologia móvel, começa a vigorar a partir de amanhã (14), e vai permitir que os agentes de trânsito realizem o atendimento de ocorrências, consulta sobre a situação do veículo e envio de dados em tempo real para a central de controle. Tudo por meio do celular.

Já para os condutores, o sistema garante a segurança na notificação, com local, data e hora. Aos que contestarem a penalidade, o Sintrans estará equipado com um banco de dados que armazenará a fotografia da infração.

O presidente do Manaustrans, Paulo Henrique, ressalta que a partir de amanhã, o controle operacional do órgão, saberá onde cada agente está posicionado. Desta forma, a central de controle, além de visualizar toda a operação, conseguirá fazer com que as informações cheguem de forma mais rápida, tornado o serviço mais eficiente.

“A nossa luta diária é para que esse atendimento seja mais rápido e mais satisfatório. O Sintrans irá melhorar nossa eficácia e nossa eficiência. Ele é capaz de monitorar operação de trânsito da cidade por meio da tecnologia móvel. Com o novo sistema é possível saber o movimento do nosso campo operacional. Outro benefício que o Sintrans trará e o fim das penalidades indevidas. O agente comprovará por meio de fotografia a infração que ficará armazenada no banco de dados do órgão, assim evitaremos injustiça”, salientou.

De acordo com Paulo Henrique, foi feito uma licitação para o desenvolvimento do  aplicativo do novo sistema, onde a operadora OI foi a vencedora. “Colocamos tudo o que precisávamos no processo licitatório. Nós não queríamos que fosse um sistema isolado, precisávamos que toda a parte de comunicação tivesse incorporado a essa solução e a empresa OI venceu a licitação, apresentando a melhor proposta técnica. Aos poucos o sistema foi incrementado, no modo que hoje está totalmente operacional, ligado a uma central de dados a disposição de todos os agentes de trânsito”, disse.

O prefeito de Manaus, Arthur Neto, por sua vez comentou que um dos objetivos do Sintrans, além de não se fazer injustiça na cobrança das multas, é não deixar passar em branco as diversas infrações de trânsito e tornar superamentário ao suficiente o Manaustrans.

“O novo sistema além de melhorar o trabalho operacional do Manaustrans, trará a independência do órgão por meio dos novos recursos que serão gerados com o Sintrans. Atualmente o Manaustrans se mantém com os recursos do tesouro municipal e o ideal é o contrário. O órgão deve suprir todas as suas necessidades com os recursos que ele próprio possa gerar. Esse é um dos nossos objetivos e creio que estamos perto de alcançá-los”.

 

Por Gerson Freitas Jornal AGORA

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir