Sem categoria

Traficantes da FDN incendeiam casa de adolescente morta por disputa de ponto no beco Boa Sorte, Zona Leste

fogo-2-divulg

Os moradores ajudaram a controlar as chamas, extintas por completo após a chegada do Corpo de Bombeiros – fotos: divulgação

Mais uma vez, o beco Boa Sorte, no bairro São José, Zona Leste de Manaus, foi cenário de terror. Um grupo de traficantes ateou fogo em uma residência na madrugada desta quarta-feira (18), por volta das 1h30. Duas pessoas passaram mal após inalarem fumaça.

A casa incendiada pertence à família da adolescente Anna Cristina Rodrigues de Souza, 15, que foi atingida com um tiro no rosto no dia 25 de março, e morreu após três dias no Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, também na Zona Leste.

Os moradores ajudaram a controlar as chamas, extintas por completo após a chegada do Corpo de Bombeiros. Duas mulheres que moram em uma residência, ao lado da que pegou fogo, passaram mal devido à fumaça e foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), sendo lavadas para uma das unidades de saúde da cidade.

De acordo com um morador que preferiu não se identificar, os criminosos que atearam fogo na casa fazem parte da facção criminosa Família do Norte (FDN) e as pessoas que moram no imóvel fazem parte da facção rival, o Primeiro Comando da Capital (PCC).

Os moradores ajudaram a controlar as chamas, extintas por completo após a chegada do Corpo de Bombeiros - foto: divulgação
“Eles são de facções rivais, isso tudo é resultado de briga por ponto de venda de droga. Eu estava dormindo e acordei com os gritos de socorro. Chamei o meu irmão e fomos ajudar a apagar o fogo. O beco Boa Sorte está dominando pelo tráfico de drogas e cada dia fica mais perigoso, os traficantes andam armados em pela luz do dia. Esses homens que atearam fogo na casa são comparsas dos que foram presos pela morte da Ana Cristina”, disse o morador que preferiu não ter o nome revelado.

Policiais militares da 9ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) estiveram no local, mas ninguém foi preso.

Crimes

O irmão de Ana Cristina, o lavador de carros Luciano Rodrigues de Souza, 22, foi executado com sete tiros na cabeça, no dia 18 outubro de 2015, também no beco Boa Sorte.

A mãe das vítimas, a dona de casa Nelci Rodrigues, 39, declarou, à época, que a filha havia sido morta porque denunciou o tráfico de drogas, porém, a Polícia Civil informou que os crimes foram motivados por disputa por pontos de venda de drogas.

Prisões

No início deste mês, seis homens foram presos suspeitos de cometer o homicídio de Ana Cristina e mandar executar o irmão dela.

Durante depoimento, um dos suspeitos informou que a garota havia sido morta porque planejava emboscadas para ele e os comparsas serem mortos pela facção rival.

Confira o vídeo:

Por Mara Magalhães

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir