Mundo

Terremoto deixa mais de 200 mortos no Paquistão

Pelo menos 206 pessoas morreram e 1.381 ficaram feridas no Noroeste do Paquistão na sequência do terremoto de 7,5 na escala Richter, registado nesta segunda-feira (26) no Nordeste do Afeganistão, segundo o mais recente balanço oficial.

Saiba Mais

Terremoto atinge Afeganistão, Índia e Paquistão
A província de Khyber Pakhtunkhwa, na fronteira, foi a zona mais atingida em território paquistanês, com 162 mortos e 1.217 feridos, informou hoje (27) a Autoridade Nacional de Gestão de Desastres do Paquistão num comunicado citado pela agência EFE.

O balanço anterior, de ontem, contabilizou 154 mortos no Paquistão e de pelo menos 84 no Afeganistão.

Segundo o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS), que monitoriza a atividade sísmica mundial, o epicentro foi localizado em Jurm, nas montanhas da província de Badakhshan, no extremo Nordeste do Afeganistão, zona pouco povoada, a uma profundidade de 213,5 quilômetros.

O abalo durou pelo menos um minuto e foi registada pelo menos uma réplica pouco depois de magnitude 4,8, segundo o USGS.

O terremoto, também sentido na Índia, foi o de maior magnitude que atingiu o Sul da Ásia, de elevada atividade sísmica, desde que, em abril passado, um sismo de 7,8 na escala de Richter sacudiu o Nepal e provocou quase 9 mil mortos.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir