Política

“Terei o que mostrar na campanha”, diz Serafim Corrêa

serafim_reprod

Serafim fez uma visita de cortesia à redação do EM TEMPO, acompanhado de sua candidata a vice na chapa, professora Cristiane Balieiro – foto: Ricardo Oliveira

Candidato a prefeito de Manaus pelo PSB, o deputado estadual Serafim Corrêa afirma que terá o que mostrar aos eleitores durante os próximos 45 dias de campanha eleitoral, se referindo às ações que realizou quando foi prefeito da cidade, entre os anos de 2004 a 2008.

Em visita à redação do jornal Amazonas EM TEMPO, ontem à tarde, na companhia de sua candidata a vice, a professora Cristiane Balieiro, o candidato ressaltou que seu plano de governo vai focar em programas sociais e ambientais, além de priorizar a transparência da gestão pública. “Não se justifica que Manaus esteja num dos últimos lugares entre as capitais, em transparência”, frisou.

Além disso, ressaltou, um dos projetos de uma eventual administração, caso seja eleito, é destravar a economia, o trânsito e o transporte coletivo da cidade para que haja desenvolvimento. “Manaus é uma cidade em permanente conflito, você precisa atuar na área social para diminuir esses conflitos; além disso, vamos focar na questão ambiental, pois a cidade está crescendo de forma desordenada”, acrescentou.

Ele afirmou que seu plano de governo – que será lançado na campanha eleitoral – recebeu diversas contribuições em várias áreas, entre elas a de educação. Serafim adiantou, por exemplo, que vai apresentar um programa social de largo alcance em que todas as crianças que estudam no ensino infantil e fundamental passarão por exames oftalmológicos, de forma a saber se os estudantes do município apresentam problemas de saúde na vista.

O candidato adiantou ainda que deve potencializar o laboratório Sebastião Marinho, que fica no conjunto Vieiralves, Zona Centro-Sul, para que realize exames preventivos para as mulheres para combater o avanço do câncer do colo do útero. “Esse laboratório já tem os equipamentos para realizar o exame preventivo em meio líquido e precisa apenas comprar os kits, que permitirão fazer um diagnóstico muito mais completo e virar esse jogo”, disse Serafim.

O ex-prefeito ressalta que deixou um legado de sua administração municipal, entre eles a resolução da questão da água, a construção da maternidade Moura Tapajóz – onde já nasceram 40 mil bebês – e a construção dos viadutos que ligam as zonas Leste a Sul.

Apesar disso, ele não foi reeleito e, ao ser questionado o que teria causado a sua não reeleição ao cargo, Serafim foi enfático: “Porque eu trabalhei para as próximas gerações e não para a próxima eleição. Uma das obras importantíssimas que todos os prefeitos da região vieram ver foi o aterro. Antes, era um lixeiro em que 300 pessoas se engalfinhavam para disputar resto de comida. Aquilo ali não deu um voto, com certeza, mas mudou a vida da cidade como um todo. Mas isso não altera em nada em minha vida. Durmo em paz”, disse.

Eleição

O candidato do PSB afirmou que essa campanha vai ser sem dinheiro, com pé no chão, boné na cabeça, calça jeans, camisa polo e tênis para as caminhadas e o corpo a corpo que vai realizar nos bairros de Manaus.

Por ser uma chapa própria, o PSB deverá ter no mínimo 40 segundos de programa no horário eleitoral gratuito na rádio e televisão.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir