Política

Temer diz que não tem ‘porta-voz’ e nega discussão de futuro governo

O vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB) divulgou nota na manhã desta segunda-feira (21) dizendo não ter “porta-voz” e negando a discussão de cenários sobre uma eventual administração sua, no caso de haver impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Neste domingo (20) a Folha de S.Paulo mostrou que o vice já discute com a cúpula da oposição -nomes como Aécio Neves (PSDB-MG), Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e José Serra (PSDB-SP)- uma lista de propostas que deverão constar de um programa de governo capitaneado por ele.

Já nesta segunda, o jornal “O Estado de S. Paulo” publicou uma entrevista em que o senador José Serra fala sobre o tema. “Michel Temer não tem porta-voz, não discute cenários políticos para futuro governo e não delegou a ninguém anúncio de decisões sobre sua vida pública”, disse o vice em nota.

“Quando tiver que anunciar algum posicionamento, ele mesmo o fará, pessoalmente, sem intermediários”, conclui.

 

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir