Política

Temer coloca cargos do PMDB em SP à disposição de Haddad

O vice-presidente Michel Temer (PMDB) colocou à disposição do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), os cargos indicados pelo PMDB na administração municipal.


Em conversa neste final de semana, o peemedebista deu carta branca ao petista para realizar trocas nos postos controlados pela legenda.
Atualmente, o partido comanda, além da Controladoria Geral do Município, quatro secretarias municipais, entre elas a secretaria da educação, que tem à frente o ex-deputado federal Gabriel Chalita (PMDB-SP).
Em resposta, o prefeito disse que, antes de tomar uma decisão, conversará com a bancada do PMDB na Câmara Municipal.
Na sexta-feira (14), a senadora Marta Suplicy (sem partido-SP) selou sua filiação ao PMDB em reunião com o vice-presidente.
No encontro, ela aceitou disputar uma convenção no partido para confirmar sua candidatura à sucessão municipal em 2016.
Segundo a reportagem apurou, como condição para ingressar no partido, Temer pediu a Marta que evite fazer críticas públicas ao governo municipal enquanto o PMDB fizer parte dele.
A mesma solicitação foi feita em relação à administração da presidente Dilma Rousseff (PT), da qual a senadora adota postura crítica desde que deixou o PT, em abril.
No final do ano passado, o vice-presidente havia firmado um acordo com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para apoiar a reeleição do prefeito.
O ingresso da senadora, no entanto, pode levar a legenda a romper com o pacto.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir