/* */
Tecnologia

Tecnologia 4G em Manaus recebe melhorias no sinal no fim deste mês

Não haverá também custo adicional no valor pago pelo pacote de dados por conta da nova tecnologia – Ione Moreno

Embora o 4G seja uma tecnologia que todos já conheçam, ainda precisava de ajustes para garantir 100% da preferência dos clientes da telefonia móvel. Com o lançamento do  sistema na frequência 700 MHz, nos próximos dias, os usuários da TIM em Manaus vão contar com maior alcance de sinal e aumento de velocidade. A inovação está prevista para ocorrer, a partir do fim deste mês, na capital.

Sete cidades brasileiras, incluindo duas da Região Norte, passam a receber o novo sinal 4G em 700 MHz a partir desta segunda-feira (03). A capital amazonense será a próxima a contar com a tecnologia, liberada para a expansão das redes LTE, após o desligamento do sinal de TV analógica.

Isso só será possível devido a uma antecipação solicitada pela TIM para o Amazonas. De acordo com o cronograma da Anatel, o Estado somente terá o desligamento da TV Analógica a partir do dia 30 de maio de 2018. Porém, a empresa já solicitou a liberação para a capital. A base de cobertura está pronta para a migração.

Leia também: Telefonia móvel ainda é atrasada na Amazônia

De acordo com o gerente de engenharia de rede Centro-Norte, Anderson Machado,  Manaus conta atualmente com a frequência de 2600 MHz. A diminuição para 700 MHZ , aumentará o poder de alcance do sinal na região.

“Em Manaus, os usuários terão mais que o dobro da capacidade. Mesmo as regiões remotas poderão contar com a tecnologia, o resultado será a melhoria da cobertura”, disse.

Interior

Outros municípios do Amazonas também serão beneficiados pelo novo 4G. Entretanto, a operadora segue o cronograma da Anatel para a liberação da nova frequência. Outra novidade é o aumento da capacidade indoor.

Você já passou pela experiência de sair de um cômodo da casa e o sinal diminuir e você ficar sem os dados móveis? Isso vai acabar com o 4G em 700 MHz. Segundo Anderson Machado, outro ganho para o usuário dessa tecnologia é o aumento de capacidade de recepção de dados, dentro de prédios e residências.

“O problema de ficar sem sinal em determinado cômodo da casa ou de um prédio acaba com a nova tecnologia”

Diferença entre as tecnologias 4Gs

As ativações de 4G na faixa de 700 MHz também permitem a adoção da tecnologia carrier agregation em duas ou até três frequências, dependendo da localidade. A novidade tem capacidade superior as tecnologias conhecidas como 4G+ e 4G Max, das operadoras Vivo e Claro, que utilizam as frequências de 1800 e 2600 MHz. A nova frequência é menor, portanto, proporciona uma superior capacidade. Redes de 700 MHz têm cobertura maior e são comuns nos Estados Unidos.

Para melhoria da tecnologia, a empresa investiu em equipamentos com a capacidade de proporcionar quase que 4 vezes mais da velocidade anterior, para acessar aplicativos e a internet na palma das mãos.

Novidade agrada

Usuários aguardam o lançamento da nova tecnologia em Manaus. A educadora Flávia Tenório, de 31 anos, já utilizou outros modelos de 4G e ficou entusiasmada com a novidade.

“De acordo com o que li, o 4G em 700 MHz vai proporcionar uma internet praticamente instantânea. Essa tecnologia nós já utilizamos na TV analógica, que possuía uma resposta mais imediata do que temos hoje, quando falamos da telefonia móvel. É interessante e pretendo utilizá-la assim que for lançada em Manaus. Utilizo a internet durante as minhas aulas e preciso de uma internet mais veloz”, relatou.

As ofertas de dados da operadora não serão alterados. Não haverá também custo adicional no valor pago pelo pacote de dados por conta da nova tecnologia.

Recife (PE), Fortaleza (CE), Maceió (AL), Natal (RN), Macapá (AP), Boa Vista (RR) e Rio Branco (AC) já receberam o sinal hoje. Nas demais cidades que já receberam a rede 4G em 700 MHz houve um crescimento de 60% no tráfego 4G.

Aparelhos adequados

Para ter acesso a nova tecnologia, o usuário precisa de um aparelho com a capacidade na frequência 700 MHz. Todos os aparelhos do portfólio atual da TIM já operam nessa frequência e o cliente pode efetuar a troca, seguindo tabela de preços.

Bruna Souza
EM TEMPO

Leia mais:

Quem comprou celular sem certificação pode ter aparelho bloqueado pela Anatel
Novo celular da Samsung chega às lojas nesta sexta
Projeto de lei permite que consumidor use saldo de internet móvel quando quiser

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir