Dia a dia

Suspeitos são baleados após população reagir a assalto em unidade de saúde

“Até no hospital não encontramos mais paz para nos recuperarmos dos males”, disse o morador José Francisco, de 64 anos, que presenciou uma tentativa de assalto na UBS, localizada entre a rua Vitória e o beco dos Inocentes, Coroado 1, Zona Leste. Três homens invadiram o local e anunciaram o assalto. Eles foram surpreendidos com a ação da população, que reagiu e agrediu os suspeitos. O trio também foi baleado por um homem desconhecido, que chegou ao local armado e atirou contra eles.

De acordo com policiais militares da 11ª Cicom, Hugo Santana Vidal, Paulo Selena Ramos e o terceiro identificado apenas como “Daniel Strike” foram vistos, na companhia de uma quarta pessoa, chegando na unidade de saúde, que estava fechada. Eles forçaram a entrada e renderam uma funcionária.

Leia também: Dois morrem no AM em troca de tiros com a Polícia para tentar salvar 1 tonelada de drogas

“Nesse momento, um morador viu a ação e correu avisando sobre o assalto. Imediatamente, os vizinhos se reuniram e foram para a entrada da UBS. Quando eles iam saindo, o pessoal meteu a porrada”, relatou José – que mora há 30 anos no local e ficou surpreso com a ousadia dos bandidos – que estavam armados.

O caso ocorreu por volta das 14h. Os homens foram encurralados em uma sala e agredidos com chutes, socos e pancadas com objetos da própria unidade. Nesse momento, supostamente, um homem teria-se aproximado e atirado neles com a própria arma usada no assalto. O homem fugiu do local levando o revólver.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) socorreram os suspeitos. Um deles foi baleado com um tiro na coxa direita e um no bumbum, o segundo suspeito foi atingido no braço direito e também no bumbum. O terceiro também foi baleado, mas a polícia não informou onde o tiro o acertou.

Semsa

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) informou, por meio de nota, que os quatro homens chegaram em duas motos na UBS e anunciaram o assalto. Eles prenderam os servidores em uma sala. Quando os vizinhos perceberam que a unidade estava sendo assaltada, foram defender os funcionários e conseguiram deter os quatro elementos. O órgão lamentou o ocorrido e informou que possui um Sistema de Vigilância Eletrônica em suas unidades de saúde.

EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir