Sem categoria

Suspeito der ter matado líder comunitária em Iranduba é preso em Manaus

Adson foi preso em cumprimento de mandato de prisão por homicídio - foto: divulgação

Adson foi preso em cumprimento de mandato de prisão por homicídio – foto: divulgação

Adson Dias da Silva, vulgo ‘Pinguelão’, foi preso na manhã desta segunda-feira (17), no Centro de Manaus. Ele é apontado pela polícia como o principal suspeito de ter assassinado a líder comunitária Maria das Dores dos Santos Salvador Priante, 52. O crime ocorreu na última quinta-feira (13), no município de Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus).  

Adson foi preso em cumprimento de mandato de prisão por homicídio, expedido no dia 14 deste mês. Segundo o delegado titular do 31º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Paulo Mavignier o suspeito será levado para a delegacia de Manacapuru, onde estão sendo realizadas as investigações.

O delegado informou ainda que na tarde de hoje deverá ser realizada uma coletiva na Delegacia Geral, em Manaus, onde ‘Pingelão’ será apresentado à imprensa.

Relembre o caso

A líder comunitária Maria das Dores dos Santos Salvador Priante, 52, conhecida como “Dora” foi encontrada morta com 12 tiros de PT 40 na madrugada da última quinta-feira (13), na comunidade Santa Lucia, localizada no quilometro 40, da AM-070, no município de Iranduba.

Dora havia sido sequestrada na noite anterior, por volta de 19h, de dentro da própria casa, localizada na comunidade Portelinha, também em Iranduba. O companheiro da vítima, o professor Gerson Priante informou à polícia que cinco homens armados entraram na casa dele, agrediram fisicamente sua companheira e fugiram levando a mulher.

Conforme Gerson, Dora e “Pinguelão” tinham uma briga pessoal referente a lotes de terra. Ainda na sexta-feira (14), “Pinguelão” se apresentou a polícia com um advogado, no entanto, como na ocasião não havia provas concretas contra ele, o suspeito foi apenas ouvido e liberado.

Por Mara Magalhães

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir