/* */
Dia a dia

Suspeito de matar motorista de ônibus com chutes e pauladas é preso

Autor confessou o crime e disse ter matado a vítima após o motorista se envolver na briga de casal – Fotos: Ana Sena

André Luiz Cardoso da Silva, 31, foi preso no último domingo (19) acusado de matar o motorista de ônibus Agley Garcia Mesquita, 39, com chutes e pauladas na cabeça, após a vítima se envolver em uma briga entre André e a companheira dele, em agosto do ano passado. A prisão ocorreu no momento em que o suspeito tentava fugir da capital, no porto da Manaus moderna, bairro Centro.

À imprensa, André afirmou que cometeu o crime porque Agley o insultou. “Ele veio brigar comigo, querer ser mais homem que eu, foi então que acabei fazendo isso. Foi tudo muito rápido”, alegou.

Conforme a Polícia Civil, a vítima e o suspeito consumiam bebidas alcoólicas em uma residência de uma amiga quando André começou a discutir com a esposa dele por ciúmes. Em seguida, Agley começou a xingar o suspeito e tentou agredi-lo, quando André, enfurecido, desferiu uma pedrada na cabeça do motorista e o agrediu com chutes na cabeça até a morte.

“Temos provas testemunhais afirmando que André cometeu o crime por motivo fútil, assim como o próprio depoimento do suspeito confessando o crime”, disse o delegado Jander Mafra, do 13º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

André foi autuado em cumprimento a mandado de prisão por homicídio e levado ao Centro de Detenção Provisório Masculino (CDPM).

Ana Sena
EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir