Sem categoria

Suspeito de atirar em sargento é assassinado em Iranduba

Kelvin  foi apontado como um dos suspeitos envolvidos no assassinato do sargento Camacho- foto: divulgação/PC

Kelvin foi apontado como um dos suspeitos envolvidos no assassinato do sargento Camacho- foto: divulgação/PC

Após confronto e troca de tiros com policiais, um homem identificado pela polícia como Kelvin Gamênha Peixoto, 23, que estava foragido, foi alvejado com três tiros no peito e morreu a caminho do hospital. O fato ocorreu nesta madrugada de sábado (8), no município de Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus).

Ainda segundo a polícia, a vítima foi socorrida e conduzida ao Hospital e Pronto Socorro (HPS) Hilda Freire, no próprio município, porém não resistiu aos ferimentos e morreu.

 Após confronto e troca de tiros com policiais, Kelvin foi  alvejado  com três tiros no peito e morreu  - fotos: divulgação

Após confronto e troca de tiros com policiais, Kelvin foi alvejado com três tiros no peito e morreu – fotos: divulgação

Kelvin é apontado como um dos suspeitos envolvidos no latrocínio (roubo seguido de morte) do sargento Afonso Camacho Dias, 44, ocorrida no dia 17 de julho.

O crime ocorreu no estacionamento de uma agência do banco Bradesco, localizada no bairro Educandos, Zona Sul da cidade, quando os suspeitos fugiram levando R$ 60 mil da vítima.

Segundo o titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), Adriano Félix, além do envolvimento no caso Camacho, Kelvin já tinha um mandado de prisão preventiva em aberto, e desde a semana passada ele era procurado, mas sempre que era localizado mudava de endereço, dificultando a captura.

Na última sexta-feira (7), seis membros da quadrilha foram apresentados na DERFD, e na ocasião o delegado Adriano Félix, relatou que o crime foi caracterizado como ‘saidinha de banco’.

Os detidos foram o técnico de refrigeração Alex Santos de Castro, 26, o motorista Carlos Thiago Teixeira da Silva, 26, a dona de casa Fabrícia Alves da Costa, 26, o mototaxista Luiz Paulo do Nascimento, 27, e os desempregados Marcelo Augusto de Freitas Cabral Santos, 18 e Sergio Silva de Sales, 34.

As prisões ocorreram em diferentes zonas da capital e no interior do Estado - foto: Ana Sena

As prisões ocorreram em diferentes zonas da capital e no interior do Estado – foto: Ana Sena

O delegado Adriano Félix explicou também que o assalto havia sido planejado e arquitetado por Fabrícia e Marcelo, e para o crime foi utilizado três veículos: um Gol cinza, de placa JXQ–1846, uma Montana cor vinho, placa JXY–9862 e um Stilo Car branco, de placa NOS–3542.

Por Conceição Melquíades

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir