Dia a dia

Superlotação: 19 presos da delegacia de Iranduba são transferidos para a Vidal Pessoal

 O motivo da transferência, segundo a Polícia Civil, é a superlotação da delegacia do município - foto: divulgação

O motivo da transferência, segundo a Polícia Civil, é a superlotação da delegacia do município – foto: divulgação

Dezenove detentos do 31º Distrito Integrado de Polícia (DIP), localizado no município de Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus), foram transferidos na tarde dessa terça-feira (26) para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro de Manaus.

O motivo da transferência, segundo a Polícia Civil, é a superlotação da delegacia do município. A unidade tem capacidade somente para 14 detentos, mas, atualmente, abriga mais de 50 internos. O local só tem duas celas.

Na tarde de ontem, antes da transferência, um interno passou, o que causou uma grande movimentação em frente da delegacia.  Foi especulado que estava acontecendo uma rebelião, porém, a informação foi negada pela Polícia Militar.

Conforme a cabo da PM do município, Conceição Macedo, quando o interno passou mal, os outros presos começaram a gritar para chamar a atenção dos policiais, que fazem a segurança da unidade prisional e, com isso, a população se aglomerou no local.

“A situação chamou a atenção de muitos curiosos e a população começou a espalhar que estava acontecendo uma rebelião, mas não foi nada disso. Somente um preso que passou mal” disse a cabo da PM.

Os internos ficarão na Cadeia Pública, que também está superlotada. A unidade prisional será desativada em dezembro deste ano, conforme informou  o titular da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), Pedro Florêncio.

Após a desativação, os presos que cumprem pena na unidade, serão transferidos para os outros presídios da capital.

Por equipe EM TEMPO Online

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir