Economia

Smtu fiscaliza serviço de fretamento no Distrito Industrial

Além dos veículos de fretamento, duas motocicletas que passavam pela via realizando o serviço de mototáxi de forma clandestina foram apreendidas - foto: divulgação.

Além dos veículos de fretamento, duas motocicletas que passavam pela via realizando o serviço de mototáxi de forma clandestina foram apreendidas – foto: divulgação.

 

Quatro veículos que realizavam o serviço de fretamento foram retidos por fiscais da Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), durante uma blitz realizada na Av. Javari, Distrito Industrial, zona Sul da capital, na manhã desta terça-feira (05). Os veículos foram levados para a sede da SMTU por terem sido detectadas irregularidades na documentação veicular apresentada e na situação cadastral junto a SMTU. A liberação dos veículos ocorrerá após a regularização das pendências no órgão.

O serviço de fretamento é norteado pela lei municipal n.º 1.958 que está em vigor desde o dia 30 de dezembro de 2014 e atribui à SMTU a competência de gerenciar e fiscalizar o serviço. De acordo com a legislação municipal o fretamento pode ser executado por empresas, microempresas ou por profissional autônomo, licenciados pela SMTU, sendo vedada a sua prestação por cooperativas ou congêneres.

Além dos veículos de fretamento, duas motocicletas que passavam pela via realizando o serviço de mototáxi de forma clandestina foram apreendidas.

Clandestinos

Na tarde de segunda-feira (04) em uma operação coordenada pela Divisão de Fiscalização da SMTU, feita em parceria com o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran), em bairros das zonas Norte Leste da cidade, onze veículos foram apreendidos após serem flagrados fazendo o transporte clandestino de passageiros. As equipes da SMTU e do BPTran percorreram as avenidas Grande Circular, no bairro Alfredo Nascimento, Curaçao e Margarita, no conjunto Nova Cidade.

Dos veículos recolhidos pela SMTU, dez eram motocicletas que faziam o serviço irregular de mototáxi e um era uma Kombi que realizava lotação.

De acordo com o diretor de Transportes Urbanos da SMTU, Thiago Balbi, as fiscalizações foram direcionadas por denúncias recebidas. “Nossas operações tem sido realizadas de forma constante e em todas as zonas da cidade. Nos próximos dias, novas fiscalizações deverão ser realizadas com foco no transporte clandestino. É importante lembrar que o apoio recebido da Polícia Militar tem sido fundamental para o êxito desse trabalho”, afirmou.

 

com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir