Economia

Sine Manaus vai disponibilizar quase 200 vagas para PCDs nesta sexta

O Sine Manaus vai disponibilizar 198 vagas para pessoas com deficiência (PCD’s) no chamado ‘Dia D’, nesta sexta-feira (23), de 8h às 17h, no Centro de Convivência do Idoso Magdalena Arce Daou, na avenida Brasil, bairro Santo Antônio, Zona Oeste.


A ação é coordenada pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE) em parceria com outras instituições e tem o objetivo de garantir oportunidades de trabalho aos PCDs. Além do Sine Manaus, participam da ação secretariais estaduais e o Serviço Social da Indústria (Sesi).

“Ficamos felizes de poder participar de um evento que envolve instituições sérias e de credibilidade e, também, por ser um momento importante para as pessoas com deficiência mudarem a sua vida com uma oportunidade de trabalho. Tenho certeza que muitos deles sairão do local com a possibilidade de voltar ou entrar no mercado”, afirmou a secretária da Semtrad, Ananda Carvalho.

Além da disponibilização das vagas, o ‘Dia D’ pretende gerar a reflexão da sociedade acerca das barreiras físicas e sociais que prejudicam a acessibilidade e convivência das pessoas com deficiência além de favorecer o convívio e fortalecer as políticas de empregabilidade para o grupo.

Estatísticas

Atualmente, o Sine Manaus possui em seu cadastro 103.895 mil trabalhadores, sendo três mil PCDs, o equivalente a 2,8%. Mensalmente, o órgão atende 9.600 mil pessoas e, desse total, pelo menos 800 mil são pessoas com deficiência, o que representa um percentual de 8,3%.

Todos os meses são inseridos no mercado de trabalho por meio do Sine Manaus, em média, 97 trabalhadores. Dessa quantidade, 21 são PCDs, ou seja, 21,64%.

Nos últimos dez anos, o número de pessoas com deficiência no Amazonas cresceu 96,8% e, atualmente, atinge 23,2% da população. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) de 2010 (último realizado com o público), o Estado já contava com 790.647 pessoas com deficiência. Em 2000, eram 401.649.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir