Dia a dia

Sine fará seleção para contratar ‘flanelinhas’

Flanelinhas associados à Aglavam poderão participar da seleção, para atuarem no sistema de estacionamento rotativo Zona Azul, no Centro  - foto: Ione Moreno

Flanelinhas associados à Aglavam poderão participar da seleção, para atuarem no sistema de estacionamento rotativo Zona Azul, no Centro – foto: Ione Moreno

Os espaços delimitando vagas para carros em algumas ruas do Centro foram demarcados identificando as reservas do sistema de estacionamento rotativo Zona Azul. Não há data definida para o início do funcionamento do serviço. A única definição é a contratação de ‘flanelinhas’ pelo Consórcio Amazônia para trabalhar na cobrança das vagas. Na primeira etapa do projeto, a Associação dos Guardadores de Veículos do Estado do Amazonas (Aglavam) enviará 80 formulários com dados de candidatos ao Sistema Nacional de Emprego de Manaus (Sine-Manaus), que fará a seleção e deverá enviar uma lista com 50 nomes ao consórcio para assinatura da Carteira Profissional de Trabalho (CPT). A intermediação do Sine foi definida na semana passada entre a Aglavam e o Instituto de Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans).

“O que foi informado é que na próxima semana a empresa trará toda sua logística para Manaus e montará um escritório aqui.  O processo de seleção dos monitores deverá começar após a instalação deles. Estamos com ótima expectativa”, disse Henrique André dos Santos, presidente da Aglavam.

A associação tem 600 ‘flanelinhas’ cadastrados, mas apenas 200 deverão ser incorporados ao sistema. Eles trabalharão como monitores de estacionamento em 20 ruas do Centro. “A gente ainda vai sentar com a empresa para conversar como será feito esse contrato, porque queremos um contrato diretamente ativo e não experiência de três meses. Eu concordo com essa mudança no sistema de estacionamento, porque agora sei que vamos ter nossos direitos garantidos”, avaliou Henrique André.

Funcionamento

Inicialmente, o Zona Azul foi projetado para funcionar em 48 ruas de Manaus, sendo 37 no Centro e outras 11 nos conjuntos Vieiralves e São Geraldo, ambos na Zona Centro-Sul. A permanência máxima de cada veículo por vaga será de duas horas e o valor pago deve ser de R$ 2,45 a hora. Pelo projeto, o Zona Azul deverá ter 3,7 mil vagas.

A concessão pela exploração do serviço será de 10 anos e as primeiras vias a terem o serviço serão as avenidas Lourenço da Silva Braga, Eduardo Ribeiro e Joaquim Nabuco e as ruas Ramos Ferreira e Luiz Antony. Os veículos poderão permanecer estacionados por até, no máximo, três horas consecutivas nas vagas do sistema de estacionamento rotativo. O sistema funcionará entre 8h e 18h de segunda a sexta e aos sábados das 8h às 17h e aos domingos e feriados não haverá cobrança.

Por Michelle Freitas

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir