Holofotes

Silvio Santos aumenta recompensa por terno prata desaparecido

Em uma busca incessante por um terno prata que usou no desfile de Carnaval em que foi homenageado, em 2001, Silvio Santos agora oferece R$ 3.500 para quem achar a peça.

Em seu programa neste domingo (2), ele voltará a fazer um apelo para ter de volta a roupa. “Ninguém jogou esse terno fora, deve estar guardado. Já faz 14 anos? Ah, o cupim já comeu”, brincou o patrono do SBT.

Segundo ele, uma pessoa telefonou dizendo que o terno estava no galpão de uma escola de samba, mas depois voltou atrás.

“Poxa, será que alguém usou e jogou fora? Estou pagando R$ 3.500, vou aumentar agora, para quem me entregar esse terno. Não adianta um alfaiate querer fazer um terno novo com o mesmo tecido, que eu não quero.”

Silvio falou pela primeira vez sobre o desaparecimento no último domingo (26), quando disse que pagaria recompensa de R$ 3.000 para quem lhe devolvesse a peça.

“Era um terno prata, um terno que a gente colocava no corpo e adquiria aquele vigor da prata. Só que esse terno sumiu. Ninguém sabe, ninguém viu”, contou.

O apresentador quer que roupa faça parte do acervo do memorial do SBT, que no futuro será também, segundo ele, um museu sobre sua trajetória.

Ele usou o terno no desfile da escola de samba Tradição, da qual foi tema naquele ano. “Vamos cantar, vamos brincar, vamos sorrir. É domingo, é alegria. Silvio santos vem aí”, dizia o samba-enredo na Marquês de Sapucaí.

Outros contratados da emissora na época também participaram do desfile, entre eles Gugu Liberato, hoje na Record, e Hebe Camargo, que morreu em 2012.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir