Política

Silas Câmara ensaia chapa com coronel Amadeu para disputar eleição

                      Deputado ficou em terceiro lugar nas eleições municipais de 2016 – Janailton Falcão

O deputado federal Silas Câmara (PRB) confirmou que, dentro de dez dias, seu partido deve anunciar quem será o pré-candidato ao governo do Estado na eleição suplementar. Nos bastidores da política local, o nome do parlamentar é dado como certo para disputar a vaga. Ele desconversa e afirma que a legenda possui outros quadros com chances, como o presidente da sigla, João Carlos, o vereador João Luiz e mesmo o deputado estadual Carlos Alberto.

Mas, informalmente, Silas vem conversando com o coronel Amadeu Soares para retomar a dobradinha da eleição municipal de 2016, na qual ambos disputaram a Prefeitura de Manaus numa chapa encabeçada pelo deputado, tendo Amadeu como vice.

Para ele, a composição com Amadeu pode ser benéfica e trazer o mesmo êxito das eleições de 2016, que levaram a dupla ao terceiro lugar no pleito e a conquistar mais de 100 mil votos. “Se eu for anunciado como pré-candidato, meu vice continuará sendo o Amadeu, por ser um homem extremamente competente”, disse.

Segundo ele, a escolha favorecerá o desenvolvimento de políticas públicas para as áreas de segurança, saúde, educação e economia. “Este é um momento difícil para o Amazonas, principalmente para a área da segurança e ele seria o nome mais adequado para cuidar com toda autonomia da segurança pública, com todas as ferramentas para fazer um bom trabalho, mas ainda temos dez dias para o anúncio da nossa chapa”, informou.

“Não tenho dúvida de que na última eleição superamos adversidades para conquistar sucesso mesmo com apenas 43 segundos de TV e sem recursos, ao contrário de candidatos que tinham mais tempo de vídeo e recursos sobrando. Ficamos no pódio porque o povo entendeu nossas propostas”, acrescentou.

               Silas Câmara pretende ressuscitar a mesma aliança do pleito de 2016

Procurado pela reportagem, o coronel Amadeu garantiu ter participado de uma reunião no último sábado, em que foi convidado por Silas para compor novamente a chapa da eleição passada. “Foi feito o convite e encaro o desafio dessa candidatura majoritária”, disse.

Questionado sobre eventuais críticas que a chapa poderá receber por conta da influência religiosa de Silas, ele reforça que o PRB trabalhará em favor de toda a população. “Nós ouvimos as bases e tivemos um sinal positivo. Estamos trabalhando em um plano de governo com novas propostas para o Estado e, para que, principalmente, a economia volte para os trilhos”, comentou e acrescentou que os projetos incluem, ainda, melhorias em outras áreas.

Amadeu considera um aprendizado ter disputado a eleição majoritária no ano passado. Isso porque a população estava em um período pós ex-presidentes Lula e Dilma. “Era um momento complicado porque a população estava revoltada com a política e foi um pleito complicado. Agora, vamos de novo trabalhar em cima de propostas para que a população possa avaliar”, disse. Ele não descartou a hipótese de dar continuidade ao programa de segurança comunitária Ronda no Bairro.

Fabiane Morais

EM TEMPO

 

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir