Política

Senado aprova projeto que regulamenta Conselho de Gestão Fiscal

Senado2_Agência-Senado

O projeto estabelece que o Poder Executivo ficará responsável por propor uma lei definido a composição do conselho, que deverá contar com membros de todas as unidades da Federação, nos três níveis de poder. foto: divulgação

O plenário do Senado aprovou nesta terça-feira (1º) um projeto de lei que regulamenta o funcionamento do Conselho de Gestão Fiscal, órgão auxiliar na análise e fiscalização do equilíbrio fiscal do país. O conselho existe por lei há mais de 15 anos, mas nunca foi implementado porque dependia de lei complementar para regulamentar o seu funcionamento.
O projeto estabelece que o Poder Executivo ficará responsável por propor uma lei definido a composição do conselho, que deverá contar com membros de todas as unidades da Federação, nos três níveis de poder. Além disso, será responsável pela criação de normas e padronizações nas prestações de contas do governo, de modo a inibir as manobras contábeis condenadas pelo Tribunal de Contas da União.
O conselho também será responsável ainda por avaliar o custo-benefício das políticas públicas e fazer uma estimativa própria sobre a disponibilidade e uso dos recursos orçamentários. Essas medidas deverão resultar em melhoria da gestão pública e maior responsabilidade por parte dos gestores ao conduzir os gastos públicos.
“Muitas vezes o gestor vem com receitas superestimadas e despesas subestimadas para, com isso, continuar gastando indevidamente e de forma ineficiente o dinheiro público. Ou no sentido inverso, quando quer retrair”, disse a relatora do projeto, senadora Simone Tebet (PMDB-MS).
O texto aprovado hoje faz parte dos projetos da Agenda Brasil e vai ainda ser analisado pela Câmara dos Deputados, onde o projeto precisará ser votado em dois turnos e se for alterado voltará para última análise do Senado.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir