Dia a dia

Sem pagamento, donos de ônibus suspendem transportes e crianças ficam sem aulas no Careiro

 

Pelos menos 100 crianças estão sem acesso às aulas em escolas municipais e estaduais na zona Rural do Careiro Castanho (a 24 quilômetros de Manaus). Os proprietários dos ônibus que fazem o transporte nos ramais paralisaram as atividades, há quatro meses. Eles não receberam o pagamento pelo serviço.

Janaina Schneider, líder da Comunidade São José, uma das afetadas pela falta de transporte, disse que os cinco ônibus que atendem à comunidade estão parados. Segundo ela, os pais que conseguem mandar os filhos à  escola pagam R$ 20 por dia com o transporte. “Estou tentando falar no plenário da Câmara Municipal do município para expor o problema, mas fui barrada”, disse.

Schneider afirmou que os proprietários dos ônibus são pagos pelo Estado, porém, a Prefeitura do Careiro fez um acordo com os donos dos veículos para levar as crianças das escolas municipais. A prefeitura pagaria o combustível e uma eventual manutenção dos veículos. “Essa ajuda nunca aconteceu e os motoristas também reclamam disso. Os alunos do município vão de carona”, afirma a líder comunitária.

O portal Em Tempo não conseguiu contato com a Prefeitura do Careiro. Ninguém atendeu nos telefones da instituição.

Por Asafe Augusto

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir