Dia a dia

Sem controle, máquina pavimentadora de asfalto derruba poste, bate carro e invade casa no São Raimundo

O acidente causou graves danos materiais – fotos: colaborar AET

O acidente causou graves danos materiais – fotos: colaborar AET

Uma máquina de pavimentar asfalto desceu desgovernada a rua Gerônimo Ribeiro, no bairro São Raimundo, Zona Oeste de Manaus, e causou estragos em um poste de iluminação, dois automóveis e uma residência na manhã desta quarta-feira (13). O acidente ocorreu por volta de 5h, quando o operador perdeu o controle da direção do veículo. Felizmente, ninguém ficou ferido.

A máquina, também conhecida como vibroacabadora, pertencente à empresa CDC Empreendimento, que presta serviços terceirizados à Prefeitura de Manaus por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), e estava sendo usada para compactação da malha asfáltica nas vias da área.

Sem controle, a pavimentadora desceu a ladeira e atingiu primeiramente o poste de iluminação urbana, batendo em seguida um carro modelo S10 e invadindo a casa. Com o impacto, as telhas do imóvel caíram em cima de outro veículo, um carro modelo Gol.

A moradora do imóvel, Clarice Souza, disse ter acordado assustada com o barulho da colisão, mas que ficou aliviada por ter tido apenas danos materiais.

O irmão dela, Sidney Ribeiro, 38, industriário, é dono do veículo que ficou debaixo das telhas. Ele conta que, além da residência onde mora, parte de outra casa também foi atingida. “O maior estrago foi aqui em casa. Na vizinha, a máquina arrastou o toldo que ela mantinha no pátio”, comentou. Ele também falou do suto que a mãe, uma senhora de 70 anos, levou. “Ela acordou assustada e quase quebra o outro pé para ver o que tinha acontecido”, completou.

O industriário disse que o modelo S10, pertence ao irmão, Márcio Ribeiro, que tinha acabado de chegar do trabalho e estacionado o veículo em frente à residência. Sidney falou à reportagem que os dois automóveis foram levados a concessionárias para orçamento e reparo aos danos que, segundo ele, realmente serão custeados pela CDC Empreendimento.

Uma perícia será realizada para averiguar se houve falha mecânica ou humana na condução da máquina.

acidente2-colaborador-AET

Em nota, a Seminf confirmou que a máquina estava a serviço da empresa CDC Empreendimento e executava serviços de recapeamento noturno na avenida Padre Agostinho Caballero Martin, iniciado na última segunda-feira (11).

A secretaria também destaca que a empresa terceirizada já está agindo para sanar os danos materiais ocasionados durante descontrole do maquinário.

Homens do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) estão no local para orientar os condutores em relação ao trânsito nas proximidades. Além deles, funcionários da Eletrobras Distribuição Amazonas também estão no local para o restabelecimento da energia, que foi interrompida após a colisão.

 

Por Rosianne Couto

 

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir