Sem categoria

Cinco adolescentes são apreendidos após invadirem e furtarem escola no Zumbi

O grupo foi levado para a sede do 25° DIP, mas será levado, posteriormente, para a Deaai-foto: divulgação

O grupo foi levado para a sede do 25° DIP, mas será levado, posteriormente, para a Deaai – foto: divulgação

Cinco adolescentes de idades entre 13 e 15 anos entraram na Escola Estadual Padre Luiz Ruas, localizada na rua Bom Jesus, bairro Zumbi, Zona Leste da cidade, e roubaram vários objetos, como tablets, TTs, moden, entre outros.

O crime ocorreu no final do último sábado, dia 26, por volta das 22h, porém, os adolescentes só foram aprendidos na manhã desta segunda-feira (29), também no Zumbi.

De acordo com o delegado titular do 25 Distrito Integrado de Polícia (DIP), Aldeney Góis, o primeiro infrator, de 14 anos, foi detido em via pública, e em seguida ele informou a localização dos outros adolescentes.

“O diretor da instituição foi pela manhã na escola e se deparou com a unidade escolar toda revirada, percebendo que alguéns objetos tinham sido levados. Realizamos diligências pelo bairro e localizamos os responsáveis. Apesar da pouca idade, os garotos já têm reincidentes por pequenos furtos e ainda tentaram atear fogo no local,” disse o delegado.
Ainda segundo o delegado, os objetos roubados foram encontrados enterrados em terrenos baldios e outras nas casas dos adolescentes.

Em depoimento à polícia, somente um adolescente confessou ser usuário de drogas, mas, segundo ele, não roubou os objetos para vender e comprar o entorpecente.

“Eles falaram em depoimento que sempre queriam ter esses objetos, como os tablets, mas como não tinham condições para comprar, resolveram roubar”, concluiu Goes.

O diretor da escola, Altamiro de Castro, disse que essa é a segunda vez que os garotos entram na escola. Na primeira vez, eles somente destruíram o local.

Ao todo, com os meninos foram encontrados 98 tablets, duas TVs (32 e 40 polegadas), três data-shows, um notebook, dois aparelhos de DVDs, uma câmera digital, uma filmadora, uma caixa de som e duas cestas básicas.

O grupo foi levado para a sede do 25° DIP, mas será levado, posteriormente, para a Delegacia Especializada de Apuração de Atos Infracionais (DEAAI), na Zona Oeste da cidade.

Por equipe EM TEMPO Online

Colaborou Michelle Freitas

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir