Dia a dia

Segundo Arsam, mais de 15 mil pessoas devem deixar a cidade no feriadão

 

O movimento de saída de passageiros no terminal rodoviário de Manaus triplicou na manhã deste sábado (3), início do feriado prolongado da Semana da Pátria. De acordo com o diretor-presidente da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Concedidos do Estado do Amazonas (Arsam), Fábio Alho, mais de 15 mil pessoas devem deixar a cidade utilizando o transporte intermunicipal. Também é esperado que aproximadamente 500 pessoas viagem utilizando veículos fretados.

“Houve uma movimentação muito boa e intensa na rodoviária na manhã deste sábado, a expectativa é que a movimentação continue assim nos próximos dias. São mais de 15 mil pessoas viajando para 16 municípios e cinco empresas de ônibus que tiveram autorização para disponibilizar mais frotas”, disse Fábio.

Alho explicou que as cidades mais procuradas pelos viajantes foram Itapiranga, Manacapuru, Itacoatiara e Presidente Figueiredo. Devido à movimentação intensa, a Arsam intensificou a fiscalização nos pontos que estão na rodoviária de Manaus, na Ponte sobre o Rio Negro e na Barreira da AM-010. Entretanto, a agência reguladora ainda possui fiscalizações volantes nos municípios onde há serviço de transporte intermunicipal regular, sendo que atuação acontece em parceria com Detran-AM e a Polícia Militar.

“O aumento na fiscalização já está acontecendo e vai continuar até o dia 7. Além de acompanha a saída dos ônibus intermunicipais na Rodoviária, estamos atuando nos serviços de transporte rodoviário de passageiros onde serão conferidos, principalmente, os itens obrigatórios de segurança dos veículos, documentação e lotação adequada, o cumprimento de horários e de gratuidades aos usuários isentos de tarifa”, destacou.

A funcionária pública, Maria Pereira, 42, disse ter acordado cedo com a família para ir até a rodoviária. Nesse feriado prolongado ela pretende passar alguns dias na casa de parentes no município de Itacoatiara. “Estou indo com meus filhos e marido para descansar. Vamos aproveitar esse feriadão relaxar e matar a saudade da minha mãe que mora em Itacoatiara”, comentou.

Quem também decidiu passar o feriado longe de Manaus foi o professor de educação física, Gabriel da Costa, 29. Ele comprou uma passam para Manacapuru e pretende ficar com a família. “Como a minha família mora longe tenho que aproveitar a oportunidade do feriado para poder revê-los. Vou aproveitar para descansar, porque depois é só trabalho”, disse.

Por Michelle Freitas

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir