Esportes

Segunda rodada do Amazonense começou com o Nacional vencendo o Borbense e o Fast o São Raimundo

Nacional somou três primeiros pontos na condição de visitante - foto: FAF

Nacional somou três primeiros pontos na condição de visitante e conquistou liderança do Amazonense – foto: FAF

A segunda rodada do Campeonato Amazonense 2016 iniciou na tarde deste sábado (27) com dois jogos. O Nacional confirmou a liderança com 6 pontos, ao vencer fora de casa o Nacional Borbense, por 3 a 1, no Estádio Jabotão, em Borba. São Raimundo e Fast duelaram na Colina, quando o ‘Rolo Compressor’ superou o rival por 1 a 0 e encostou na vice-liderança.

Manaus FC e Princesa do Solimões concluem a rodada em jogo que será disputado na noite desta segunda-feira (29), também no estádio Ismael Benigno (Colina).

Borba

Mesmo após a desgastante viagem aérea, no mesmo dia do jogo, o Nacional superou o ‘xará’ borbense. O lateral esquerdo e ex-sãopaulino Alex Cazumba abriu o placar para o time da Vila Municipal. Ainda no primeiro tempo, Esquerdinha ampliou para 2 a 0. Pelo lado do time do interior, Pimenta esboçou reação e encostou no placar: 2 a 1. Mas Jones confirmou o triunfo nacionalino aos 40 minutos do segundo tempo: 3 a 1.

Pela terceira rodada, o Naça e o Camaleão voltarão a campo no próximo dia 8, com rodada dupla no estádio da Colina. O Nacional Borbense abrirá a noite contra o Rio Negro. O Nacional encerrará a rodada diante o Manaus FC.

Colina

Na etapa complementar, diante o Tufão da Colina, o meio-campista Robinho anotou o gol da vitória para os visitantes do Fast. A partida foi marcada por três expulsões e duelo fora das arquibancadas entre torcidas organizadas. O Fast manteve a segunda colocação com seis pontos e dois gols de saldo positivo, contra quatro gols de saldo positivo do líder Nacional.

O Alviceleste da Colina tentará a recuperação em visita diante o Princesa do Solimões, no Gilbertão, dia 3 de setembro em Manacapuru. O Fast terá mais tempo para treinar, pois folgará na terceira rodada, e somente jogará no dia 11 de setembro, contra o Nacional Borbense, no Jabotão em Borba.

Por João Paulo Oliveira

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir