Dia a dia

Secretário de saúde de Iranduba é agredido e ameaçado de morte por quarteto

O secretário registrou o caso no 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) - foto: divulgação

O secretário registrou o caso no 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) – foto: divulgação

O secretário de saúde de Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus), Marcos Antônio Peixoto Coelho, 51, foi agredido fisicamente na noite dessa quinta-feira (8), por volta das 21h, no momento que estava saindo da secretaria, situada no Centro do município.

De acordo com o assessor do secretário, Wallacy Silva, eles estavam saindo da secretaria quando foram abordados por quatro homens, sendo que um dos suspeitos estava armado com um revolver. Durante a ação um dos criminosos chegou a desferir um soco no rosto do secretário e ameaçá-lo.

“Não era assalto, eles queriam matar o secretario, mas não conseguiram porque eu gritei e as pessoas se aproximaram para o ver o que estava acontecendo, aí eles fugiram. Um deles chegou a dizer que aquilo era apenas um aviso. Todos estavam de cara limpa, reconheci um deles, mas prefiro não falar o nome para não atrapalhar as investigações”, disse o assessor do secretário.

Os suspeitos estavam em dois carros, sendo uma Pick-up Strada de cor vermelha e uma L 200 de cor azul.

Questionado se o crime teria motivação política, o assessor disse que não, mas informou que o secretario já estava recebendo algumas ameaças.

O delegado Ricardo Homero, titular da 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), onde o caso foi registrado, informou que o secretario já havia comparecido à unidade para fazer um Boletim de Ocorrência (BO), devido as ameaças que vinha recebendo.

Conforme o delegado, em relação ao caso de ontem à noite, o secretario ficou de comparecer à delegacia na tarde desta sexta-feira (9), para esclarecer maiores informações para que assim seja iniciado as investigações.

A reportagem entrou em contato com o secretário, mas o mesmo não atendeu as ligações e nem respondeu as mensagens.

Por Mara Magalhães

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir