Esportes

Santos quebra jejum, vence Cruzeiro e obtém primeira vitória no Brasileiro

O Santos conseguiu acabar com um jejum de dois anos e meio sem vitórias sobre o Cruzeiro ao derrotar o time mineiro por 1 a 0 na tarde deste domingo (17), na Vila Belmiro, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o time do litoral paulista emplacou a sua primeira vitória na competição depois do empate com o Avaí na sua estreia. Assim, os santistas chegaram aos quatro pontos, colado no G-4.

Já o Cruzeiro, envolto na Libertadores, pela qual vai enfrentar o River Plate após a exclusão do Boca Juniors, obteve a sua segunda derrota no Nacional e ficou dentro da zona do rebaixamento.

A equipe paulista foi melhor em quase toda a partida. Sempre com jogadas em velocidade pelos lados do campo, abriu o placar ainda no primeiro tempo com um belo gol de Geuvânio. Na etapa final, mesmo com a melhora do time mineiro, o Santos desperdiçou grandes chances de ampliar o placar.

Porém, apesar de começar melhor a partida, o Santos teve muitas dificuldades de entrar na defesa cruzeirense no início do primeiro tempo. Com isso, a equipe da Vila Belmiro encontrou nos chutes de fora da área a melhor solução para ameaçar o goleiro Fábio. Ricardo Oliveira e Geuvânio quase marcaram desta forma.

Já o Cruzeiro, apesar de estar com quase todo o time titular que disputa a Libertadores, pouco ameaçou a defesa santista mesmo com mais posse de bola. E, de quebra, ainda foi refém das jogadas de contra-ataques da equipe da casa.

Sempre em velocidade pelos lados do campo, o Santos conseguiu, aos poucos, encontrar espaços na defesa mineira. Aos 24min, Victor Ferraz cruzou para Robinho se antecipar à zaga cruzeirense e mandar a bola pela linha de fundo. Depois, o zagueiro Werley aproveitou cruzamento e, de cabeça, acertou o travessão dos visitantes.

Como o Cruzeiro não evitou que estas jogadas em velocidade continuassem acontecendo, os santistas conseguiram chegar ao gol antes do intervalo. Aos 44min, após novo contragolpe do Santos, Robinho achou Geuvânio pelo lado direito. O meia, no mano a mano com o lateral Fabrício, cortou para dentro e chutou colocado, sem chances para o goleiro Fábio. A bola ainda desviou no jogador do Cruzeiro antes de entrar.

Com a vantagem no placar, o jogo ficou ao caráter do Santos no segundo tempo. A equipe da Vila Belmiro recuou e dava a bola ao Cruzeiro para, depois, retomá-la em contra-ataques. Aos 8min, Geuvânio quase marcou o seu segundo gol na partida após rápido contragolpe.

O time mineiro até melhorou com as entradas de Gabriel Xavier e Joel. Mas, não conseguiu traduzir a sua maior posse de bola em pressão sobre os donos da casa.
No fim, foram os santistas que poderiam ter ampliado o marcador com Robinho e Gabriel, mas os cruzeirense Fabrício e Eurico salvaram em cima da linha os dois gols certos do Santos.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir