Sem categoria

Resultado do ENEM por escola revela evolução nos indicadores da rede pública estadual do AM

Divulgado na manhã desta quarta-feira, dia 5, pelo Ministério da Educação (MEC), o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) por escola, realizado em 2014, aponta que as médias da rede pública estadual de educação do Amazonas evoluíram “14,5” pontos em relação à média geral alcançada pelas escolas do Estado no mesmo exame no ano de 2013.

No mesmo período comparativo – 2013 para 2014 – a evolução das médias das escolas estaduais do Amazonas supera a evolução geral alcançada pelas escolas brasileiras. Enquanto as médias das escolas da rede estadual do Amazonas evoluíram “14,5” em suas médias, a média nacional evoluiu “4,2” pontos.

Analisando as áreas de conhecimento abordadas na prova do Enem, as escolas da rede pública estadual do Amazonas também apresentaram, na avaliação de 2014, evolução superior à alcançada, de forma geral, pelas escolas brasileiras.

Em “Linguagem e suas Tecnologias”, enquanto as médias nacionais cresceram “18,4” pontos, a média das escolas estaduais evoluíram “28,5” comparando-se as provas aplicadas em 2013 e 2014,

Em “Ciências Humanas e suas Tecnologias”, enquanto o crescimento nacional registrado foi de “26,7” pontos, as escolas estaduais amazonenses evoluíram “42,0” em suas médias.

Já em “Ciências da Natureza e suas Tecnologias”, enquanto o crescimento nacional foi de “10,9” pontos, a evolução das escolas estaduais amazonenses foi de “14,0” pontos.

Conforme divulgado pelo MEC, foi observado, como tendência neste último Enem, o decréscimo nacional nas médias alcançadas nas questões de “Matemática e suas Tecnologias”. No entanto, conforme levantamento realizado pela Secretaria de Estado de Educação do Amazonas, as escolas estaduais (do Amazonas) apresentaram decréscimo (em Matemática) inferior ao notado nacionalmente. Enquanto, nesta área do conhecimento, as escolas brasileiras, de forma geral, decresceram “39,1” em comparação com 2013, o rendimento das escolas estaduais amazonenses decaiu “26,4”.

Outro dado notificado pelo estudo realizado pela Secretaria de Estado de Educação do Amazonas, foi que das 85 escolas estaduais que participaram do exame em 2013 e também em 2014, 83 delas – ou seja, o equivalente a 98% delas, apresentaram crescimento em suas médias.

De acordo com o secretário de Estado de Estado de Educação, Rossieli Soares da Silva, os indicadores apontam uma significativa melhoria na rede estadual. “No entanto, tais resultados nos desafiam a pensar em ações pedagógicas mais efetivas para o ensino médio, impulsionando-nos a intensificar o que temos como projeto para nossa rede”, disse.

Ações

Dentre as ações projetadas e que vêm sendo executadas pela Seduc no Amazonas, conforme o secretário, estão: o projeto “Aulões do Enem” que beneficia mais de 40 mil alunos em todos os municípios do Estado e por meio do qual são oferecidas aulas preparatórios aos sábados, transmitidas via satélite pelo Centro de Mídias de Educação; o investimento em formação para professores, com o qual o Governo do Estado está proporcionando formação em nível de pós-graduação a mais de 2,5 mil professores e a criação de grupos de capacitação, como o “Grupo de Trabalho de Matemática”, formado por especialistas, mestres e doutores que realizam oficinas pedagógicas e de formação em escolas da capital e do interior do Amazonas.

“Tais medidas justificam a evolução em nossos indicadores e nos apontam melhorias que serão notadas a médio e longo prazo”, conclui o secretário de Estado de Educação, Rossieli Soares da Silva.

Com informações da assessoria de comunicação

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir