Política

Relator da comissão do impeachment contra Dilma pede proteção policial

jovair-arantes

Não havia até às 16h desta quarta resposta de Cunha – foto: reprodução

O relator do processo de impeachment contra Dilma Rousseff, Jovair Arantes (PTB-GO), pediu proteção policial para ele e para sua família devido a pressão que estaria sofrendo nas ruas desde que aceitou a função, na semana passada.

O presidente da comissão especial do impeachment, Rogério Rosso (PSD-DF), enviou nesta quarta-feira (23) ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), pedido para que a Polícia Legislativa da Câmara faça a proteção do parlamentar do PTB e de sua família.

 

A reportagem não conseguiu falar com Jovair na tarde desta quarta. Segundo sua assessoria, Jovair solicitou a proteção policial por precaução. A assessoria afirma que na noite desta terça (22) foi destruído um muro do escritório político do deputado, em Goiânia.

 

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir