Sem categoria

Recapeamento na rotatória do Coroado inicia nesta segunda; outros corredores também serão atendidos

Rotatória do Complexo Viário Gilberto será recapeada a partir de segunda-feira, 3.Fotos: Alexandre Fonseca/Seminf

Rotatória do Complexo Viário Gilberto será recapeada a partir de segunda-feira, 3.Fotos: Alexandre Fonseca/Seminf

Começam nesta segunda-feira (3) as obras de recapeamento da rotatória do Complexo Viário Gilberto Mestrinho, no Coroado, Zona Leste. O trabalho será executado pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) em duas etapas: fresagem – que consiste na retirada do asfalto antigo – e aplicação de duas novas camadas asfálticas. Outros corredores viários também serão atendidos.

De acordo com o secretário de Infraestrutura, Alexandre Morais, as obras no Coroado serão realizadas no período noturno para que não comprometam o trânsito, tendo em vista o grande fluxo de veículos no local.

O Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) vai atuar na área para orientar os motoristas.

A estimativa da secretaria é de concluir as obras em até 40 dias. Inicialmente apenas uma das três faixas da rotatória terá o fluxo de veículos interditado.

“Vamos trabalhar sempre em uma faixa e deixar outras duas com acesso para os motoristas. A fresagem inicia pela faixa interna, mais próxima da bola. Por último será fresada a alça externa que fica próxima às alças de acesso às avenidas”, destacou.

A frente de obras envolverá uma equipe com 20 homens, uma máquina fresadora de asfalto, caçambas, vassoura elétrica, carros-pipas e outros aparelhos pesados.

O recapeamento terá dez centímetros de espessura, com duas camadas: a primeira revestida com binder e a segunda com Concreto Betuminoso Usinado à Quente (CBUQ). Serão usadas 2.380 toneladas de massa asfáltica para recapear aproximadamente 9.400 m².

As oito pistas que formam o início – aproximadamente 15 metros – do encabeçamento das alças viárias da Rodrigo Otávio, Cosme Ferreira, André Araújo e Darcy Vargas também serão recapeadas após a finalização dos trabalhos na rotatória.

Grandes corredores

O mesmo trabalho será levado para os principais corredores viários da cidade.

“Realizamos um trabalho semelhante na Rotatória do Mindu em abril. Vias como essa recebem grade fluxo de veículos e o pavimento acaba deteriorado e apresentando ondulações e desníveis. Esse tipo de obra proporciona melhores condições de acesso aos condutores e segurança para os pedestres”, explica Morais.

Outras 120 vias serão recapeadas nos próximos meses pela prefeitura. A primeira etapa das obras contempla 67 corredores viários nas zonas Lestes, Oeste, Norte e Centro-Sul.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir