Esportes

Ralf pagará R$ 4 mi do próprio bolso para trocar Corinthians por China

Ralf chegou a solicitar liberação sem custos, mas o Corinthians exigiu que a multa fosse cumprida para que ele fosse liberado - foto: divulgação

Ralf chegou a solicitar liberação sem custos, mas o Corinthians exigiu que a multa fosse cumprida para que ele fosse liberado – foto: divulgação

O Beijing Guoan-CHN quer o corintiano Ralf, mas não está disposto a pagar pela compra dele. Para efetivar a transferência nas próximas horas, porém, o próprio jogador vai ressarcir o Corinthians.

O pré-contrato recentemente renovado será rompido com o pagamento de aproximadamente US$ 1 milhão (R$ 4 milhões) para os cofres corintianos. Ralf chegou a solicitar liberação sem custos, mas o Corinthians exigiu que a multa fosse cumprida para que ele fosse liberado do vínculo até dezembro de 2017.

No mesmo clube que pagará 8 milhões de euros (R$ 35 milhões aproximadamente) pela compra de Renato Augusto, o volante Ralf assinará contrato válido por duas temporadas com salários não revelados. A cota de estrangeiros ainda tem o centroavante Kleber Pinheiro, ex-Palmeiras e Porto-POR e jogador do Beijing Guoan desde a edição passada do Campeonato Chinês.

O estafe de Ralf nega que ele já tenha recebido as luvas acordadas para renovação do contrato assinado em dezembro. A permanência dele, após longas tratativas e por solicitação de Tite, foi acertada pelo presidente Roberto de Andrade na ocasião. O volante havia acordado um aumento salarial e recebimento de luvas.

A China já levou três jogadores do Corinthians: Jadson, Ralf e Renato Augusto. Vagner Love é o quarto que já disse adeus e o goleiro Cássio está quase vendido para o Besiktas-TUR. O campeão brasileiro ainda teve a baixa de Edu Dracena, cedido ao Palmeiras, e pode perder o zagueiro Gil para o Shandong, também chinês.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir