Dia a dia

Quatro réus são julgados por matar homem a terçadadas por dívida de R$ 850

Os réus mataram a vítima,  devido a  dívida de R$850 relacionado a venda de drogas – Ana Sena

Homens acusados de matar com várias terçadadas um rapaz identificado como Antônio Gabriel da Silva Rodrigues, em julho de 2013, no bairro Santo Antônio, Zona Oeste estão sendo julgados na tarde na tarde desta sexta-feira  (23), no plenário do Fórum Ministro Henoch Reis, bairro São Francisco, Zona Centro-Sul.  Os réus são: Jackson Pereira da Silva, de 31 anos, Ramon Santos da Silva, 25 anos, Hugo Sales de Souza, 28 anos e Dhemerson Ramos Coelho, de 24 anos. 

De acordo com a denúncia do Ministério Público Estadual (MPE), os réus mataram a vítima, após Ernando Menezes Lacerda (foragido) cobrá-la por uma dívida de R$850 relacionado à venda de drogas. Na ocasião, Antônio Gabriel disse que não tinha dinheiro. Com a negativa, Ernando e Ramon, armados com um terçado e uma faca, desferiram vários golpes na cabeça e no pescoço do rapaz, que morreu no local. Ainda segundo denúncia, Hugo e Dhemerson arrastaram Antonio Gabriel pela rua e jogaram o corpo na avenida Brasil, bairro Compensa.

Segundo o promotor de Justiça, André Virgílio Belota Seffair, a vítima foi agredida de maneira covarde, uma vez que foi golpeada várias vezes no pescoço e na cabeça, antes de morrer. “Está clara a participação de Ramon e Ernando no crime, assim como a participação de Dhemerson, nesse assassinato brutal. A vítima foi golpeada como um animal”, disse o promotor  no plenário.

Ao juiz, Ramon confessou o crime, mas disse ter agido em legítima defesa. Segundo o réu, a vítima o teria ameaçado de cortá-lo com uma faca. Os demais réus negam ter participado do assassinato.

O juri deve continuar até a madrugada de sábado.

Ana Sena

EM TEMPO

 

 

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir