Especiais Impresso

Transporte irregular feito em vans e Kombis cresce em Manaus

Com passagem que custa até a metade do valor cobrado pelo transporte regular (R$ 3), donos de vans e Kombis desafiam a Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU) e operam livremente nas zonas Norte e Leste, as duas mais populosas de Manaus. O valor da passagem, que não chega a R$ 3,00, é mais atrativo do serviço, o que atrai centenas de passageiros. Os proprietários dos veículos chegam a faturar até R$ 20 mil por mês.
O transporte irregular prevê multas de 40 UFMs (Unidade Fiscal do Município), o equivalente a R$ 3.718,80. Cada UFM vale R$ 92,97.

Transporte-clandestino-foto-Josemar-Antunes

Transporte-irregular-foto-Josemar-AntunesTransporte-irregular-foto-Diego-Janatã-(1)

Transporte-irregular-foto-Diego-Janatã-(2)

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir