Política

Propaganda eleitoral na mídia inicia neste sábado

Propaganda na mídia segue até o dia 25 de agosto – fotos: Michael Dantas

A partir deste sábado (12) até o dia 25 de agosto, os eleitores poderão comparar os programas eleitorais dos candidatos à vaga de governador do Estado, Amazonino Mendes (PDT) e Eduardo Braga (PMDB), no rádio e televisão, para decidir em quem irão votar na disputa do pleito, que acontece no último domingo deste mês, dia 27. As coligações já estão em processo de finalização das produções audiovisuais e, para o início do horário gratuito, ambos tiveram acréscimo de tempo e irão permanecer no ar
durante 5 minutos.

Leia também: Amazonino abre 15,2 pontos sobre Eduardo Braga na primeira pesquisa para segundo turno

Para os novos programas, a coligação Movimento pela Reconstrução do Amazonas teve um aumento de um minuto e 43 segundos. Já a coligação União pelo Amazonas teve um aumento de dois minutos e 43 segundos. Ao todo, os postulantes surgirão na mídia durante 20 minutos diários, sendo dez minutos para cada um, às 12h e às 19h30. Além disso, terão o reforço de 50 minutos em inserções, de 30 segundos, ao longo do dia, entre 6h e 22h.

Os candidatos Amazonino Mendes e Eduardo Braga terão acréscimo de tempo, no rádio e na televisão

O candidato Amazonino deu uma prévia, na noite de quarta-feira (9), por meio de um vídeo postado no Facebook, de como pode ser o conteúdo apresentado por ele no horário gratuito. Ao lado do principal apoiador, o prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), Amazonino enalteceu a gestão da prefeitura e garante que o apoio mútuo beneficiará o Estado do Amazonas. “Essa união que fizemos por meio do amor a Manaus, a qual você (Arthur) administra. Vamos ter resultados extraordinários e estou muito confiante nisso. Seu apoio macro, de líder e companheiro, faz com que todos nós, sem exceções, possamos reverenciar sua histórica passagem pela área federal, que trouxe orgulho para o povo do Amazonas. Você empresta também essa qualidade à nossa modesta campanha”,disse o candidato.

Em seguida, Arthur responde aos elogios, dando ênfase na união entre os dois e que essa, caso Amazonino seja eleito, ajudará a capital por conta do trabalho em conjunto que eles devem realizar. “Nós fizemos uma escolha muito racional sobre o que seria melhor para Manaus, num projeto emergencial para o Estado. Eu mergulho de corpo e alma na sua campanha por entender que ela vai dar como fruto a normalização do Estado”. No fim do vídeo, o candidato pedetista encerra o discurso dizendo que “O Arthur jogou tudo para o alto e hoje, Amazonino e Artur se deram as mãos”.

Cada um candidato terá de apresentar propostas durante cinco minutos

Outra produção que deve entrar na programação eleitoral do candidato e que também está sendo veiculada nas redes sociais é o convite que Amazonino faz para os eleitores o acompanharem por meio do aplicativo WhatsApp. No convite, ele fala: “Estou no Facebook, Twitter e Instagram, mas o jeito mais fácil de a gente manter contato nessa campanha é no ‘Whats’. Se você também ama o Amazonas, pega meu número aí”, diz Amazonino, no vídeo, de maneira
descontraída e divertida.

De acordo com a coligação Movimento pela Reconstrução do Amazonas, em cada dia haverá uma programação diferente, abordando temas como segurança, saúde, educação, infraestrutura, finanças públicas e servidores públicos, para uma gestão curta de 12 meses.

A reportagem entrou em contato com a assessoria da coligação União pelo Amazonas, em busca de informações sobre o programa do candidato Eduardo Braga (PMDB), mas não obteve retorno
sobre a programação.

Wal Lima
EM TEMPO

 

Leia mais:

Amazonino Mendes disputa segundo turno contra Eduardo Braga em eleição do AM

David Almeida diz que não fechará portas a candidatos no segundo turno

Mais de meio milhão não votaram em eleição suplementar no AM

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Subir