Sem categoria

Promoções ‘dão o tom’ para o Dia das Crianças, em Manaus

ECO_B2_BRINQUEDOS_MARCIO MELO

De olho nos consumidores que deixam para comprar na última hora, lojistas do centro de Manaus vão abrir as portas amanhã (11) e na segunda-feira (12), que é feriado, na expectativa de incrementar as vendas do Dia das Crianças. Até agora, os comerciantes têm reclamado do movimento e alguns chegaram a registrar queda de 60% na venda de brinquedos e roupas para crianças na comparação com o mesmo período de 2014.

A loja Bokiné, na rua Henrique Martins, vai abrir as portas no domingo e na segunda-feira, das 8h às 13h. Mesmo assim a gerente Francineiva Souza afirmou que as vendas deste ano devem ficar 20% abaixo em relação a 2014.  “No ano passado, na semana que antecedeu ao feriado do Dia das Crianças, a loja estava cheia, diferente de hoje. Neste ano não compramos brinquedos, pois investimos mais nas roupas para atrair os pais pela necessidade. Mesmo assim, as vendas estão fracas”, afirmou.

Na loja FDF, na rua Marechal Deodoro, os vendedores também registraram queda no movimento. Para reverter o quadro, a loja aposta nas promoções para atrair os pais, com roupinhas sendo vendidas a R$ 8. “Nem as promoções saíram. Estamos sentindo queda no movimento. Ano passado estava mais movimentado. A crise, somada à greve dos bancos, causou um impacto na economia. Espero que sábado e domingo melhore”, disse o funcionário do setor administrativo, Evandro Martins.

Na loja Baiano, na rua Marechal Deodoro, a gerente Rose Medeiros estimou queda de 50% no movimento em relação a 2014. “Os produtos em promoção são os que mais saem. Temos carrinhos por R$ 3,50 e bolas a R$ 1,20”, disse.

Já na loja Bebê Legal, também na rua Marechal Deodoro, a procura foi quase 30% inferior em relação a 2014, de acordo com o sócio Gelton Brito. “Outubro começou devagar”, disse.

 

Por Ive Rylo

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir