Esportes

Projeto de boxe na Zona Leste recebe materiais esportivos avaliados em R$ 15 mil

O benefício ajudará mais de 30 jovens que treinam semanalmente no Ginásio Zezão -foto: divulgação/Secom

Materiais esportivos, como luvas, protetores de bocas, sacos de bater e coquilhas, avaliados em R$ 15 mil, foram recebidos pelo projeto social Ring Boxe na última quinta-feira (5), no Ginásio Zezão, no bairro São José, Zona leste de Manaus, onde funciona o projeto.

A ação foi realizada pelo Fundo de Promoção Social (FPS) do Governo do Amazonas, em parceria com a Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas), a Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel) e a Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc).

Segundo o presidente da Federação Amazonense de Pugilismo (FAP), Pedro Nunes, o benefício ajudará mais de 30 jovens que treinam semanalmente no Ginásio Zezão.

“Hoje é um dia histórico para todos nós. O projeto, que já existe há mais de 20 anos, está recebendo materiais novinhos que dá gosto. Agradecemos o empenho do governador José Melo”, ressaltou Nunes.

O investimento foi um repasse financeiro feito por empresas privadas, dentre elas a Pepsi-Cola – foto: divulgação/Secom

O Ring Boxe faz parte das oito iniciativas sociais que foram contempladas no início de dezembro com um investimento de quase R$ 100 mil em materiais para projetos que trabalham com crianças e adolescentes na área de esporte, entre os quais, projeto Vida (jiu-jítsu); Talento da Bola; Fortalecimento Escolinha Futsal; Flamenguinho Monte Sião I; Liga Esportiva Monte Sião; Campo dos Gaviões e Guerreiros do Senhor.

“O FPS tem a missão de promover a cidadania e a promoção social do indivíduo. Hoje, mais de 400 crianças e jovens terão uma qualidade de vida mais digna com a chegada desses materiais. O sonho da nossa presidente de honra, Edilene Gomes de Oliveira, é que todos possam ter as mesmas chances”, destaca a secretária executiva do FPS, Vania Maria Cyrino.

O investimento foi um repasse financeiro feito por empresas privadas, dentre elas a Pepsi-Cola. Equipamentos como quimonos, bebedouros, chuteiras, luvas, protetores de boca, meiões, shorts e blusas servirão a mais de 400 crianças e adolescentes da Zona Leste.

Com informações da assessoria

1 Comment

1 Comment

  1. Antônio Rudiego

    12 de janeiro de 2017 at 08:19

    Gostaria de participar desse projeto

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top
error: Content is protected !!