Cultura

Projeto ‘Bilhares pela Cultura’ tem atrações confirmadas até junho

O Projeto Roda na Praça, que reúne artistas circenses e de várias outras expressões culturais – Fotos: Divulgação

O Projeto Bilhares pela Cultura, desenvolvido pela Prefeitura de Manaus, com a finalidade de levar atrações culturais nos finais de semana ao Parque Ponte dos Bilhares, já tem confirmada até o próximo mês de junho a programação de apresentações. O espaço e o projeto são coordenados pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas).

No próximo sábado, 22, a Companhia de Teatro Criatê, especializada em montagens teatrais infantis, estará se apresentando na Praça do Bonde, segunda etapa do parque, a partir das 19h. No domingo (23), o Projeto Roda na Praça, que reúne artistas circenses e de várias outras expressões culturais, terá números de malabarismo, dança contemporânea, palhaçaria, pirofagia, entre outras atrações.

As apresentações acontecerão sempre nos finais de semana, das 19h às 20h30, na segunda etapa do parque. Segundo o gestor do Ponte dos Bilhares, Dalison Neto, o projeto visa transformar a unidade municipal em um pólo de cultura alternativa e tradicional, atraindo artistas que se apresentam voluntariamente para o público.

Até junho, estão confirmadas atrações em todos os finais de semana

“Os artistas de rua que se dedicam à palhaçaria, ao malabarismo, à pirofagia, ao balé com tecidos, mágica, teatro amador, pintura e dança são os principais instrumentos para fomentar as atividades culturais propostas no projeto”, explicou Dalison.

Até junho, estão confirmadas atrações em todos os finais de semana. Os espaços serão ocupados pela Associação de Artistas Circenses do Amazonas (AACM), nos dias 30/04, 07 e 21/05 e 4 e 18/06; a Cacompanhia (grupo de palhaços), nos dias 14 e 28/05 e 11 e 25/06; a Companhia Daniel Ferrat (teatro de rua), dia 6/05, e o Projeto Roda na Praça, nos dias 7 e 21/05 e 4 e 18/06.

O grupo teatral Criatê está na cidade há um ano, trabalhando com várias áreas da cultura e das artes. Segundo uma das integrantes da companhia, Camila Duarte, a Criatê tem como foco a dramaturgia autoral, com a criação de roteiros, músicas e agora apresenta uma novidade: o teatro para contar histórias a partir de fatos marcantes, datas e objetos que viram personagens.

“Acho superlegal a abertura desse espaço para os artistas da cidade porque é central e a população saber que lá vai ter atrações culturais além da infraestrutura que o parque já oferece”, explica Camila. O Roda na Praça é formado por dez integrantes que utilizam os espaços públicos para mostrar a sua arte, seja nas ruas, praças ou parques.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir