Dia a dia

Professor de inglês é encontrado morto, a facadas, dentro de casa

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investigará o caso - foto: Janailton Falcão

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investigará o caso – foto: Janailton Falcão

O professor de inglês Renato Neves da Silva, 50, foi encontrado morto, na manhã desta quinta-feira (1°), dentro da casa onde ele morava, na Rua 13, bairro Japiim, zona sul de Manaus. Segundo peritos do Instituto Criminalística (IC) da Polícia Civil (PC), o corpo tinha dez perfurações, provavelmente de faca.

A filha da dona da casa, que era alugada ao professor, uma agente de trânsito de 41 anos, disse que o ar-condicionado estava ligado há dois dias seguidos. “Ligamos para ele várias vezes, batemos na porta e ele não atendeu. Pegamos a chave reserva e, quando entramos, nos deparamos com ele morto todo ensanguentado. O edredom cobria o rosto” disse a agente, que pediu para não ter o nome revelado. Renato morava sozinho e dava aula de inglês na própria casa.

Investigadores da Polícia Civil informaram que o imóvel estava todo revirado. A TV, um notebook e o celular da vítima foram roubados. Em cima da pia da cozinha foram encontradas duas facas que, provavelmente, foram usadas para matar o professor. Os investigadores suspeitam que os assassinos usaram água sanitária para lavar as facas. Uma garrafa vazia foi encontrada na pía.

Segundo policias da 3ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), o assassino deveria conhecer o professor, pois teve o cuidado de fechar toda a casa.

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investigará o caso.

Por Mara Magalhães com informações de Ana Sena

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir