Esportes

Princesa encara Atlético pelas oitavas de final da série D do Brasileiro

Princesa-Marcio-Melo

Jogadores do Princesa garantem que o clima de ‘oba-oba’ não contamina o grupo, que segue trabalhando forte em busca do principal objetivo – foto: Márcio Melo

Embalado por seis vitórias consecutivas, o Princesa do Solimões volta a campo pela Série D do Campeonato Brasileiro neste domingo (14), às 15h30 (de Manaus). Em Manacapuru (a 84 quilômetros de Manaus), no estádio Gilberto Mestrinho, o Gilbertão, o único representante do Amazonas no certame encara o Atlético-AC, no primeiro jogo das oitavas de final entre as duas equipes.

Após “atropelar” o Palmas-TO na fase de 32 avos de final, com o placar agregado de 6 a 1, o Tubarão do Norte terá pela frente o adversário dono da segundo melhor campanha da Série D. Na última eliminatória, o Atlético-AC não teve dó do Náutico-RR e venceu, na soma dos resultados, por 13 a 1. De acordo com o volante Denis, é o momento de fazer valer o “fator casa” para viajar a Rio Branco com uma boa vantagem na bagagem.

“Já esquecemos o Palmas, ficou para trás, estamos concentrados só no Atlético. Sabemos que é uma ótima equipe, com a segunda melhor campanha do campeonato, respeitamos muito, mas estamos preparados para o jogo. Nossa equipe é muito boa também, vamos jogar em casa e temos que conseguir a vitória no domingo (hoje). No meu modo de ver, pelo regulamento, é importante também não tomarmos gols jogando aqui em Manacapuru”, conta o jogador alvirrubro.

A quatro jogos do acesso à Série C, Denis garante que o clima de oba-oba não contamina o grupo, que segue trabalhando forte em busca do principal objetivo.

“Estamos com os pés no chão, não ganhamos nada ainda. Estamos pensando somente neste jogo de domingo (hoje) para fazer um grande resultado aqui em casa, se possível com a vitória. Mas o grupo está com o mesmo pensamento, com o mesmo foco e a mesma humildade”, afirma o volante.

 

Máximo respeito

Assim como Denis, o zagueiro Deurick mostra respeito ao Atlético-AC, mas acredita que dentro de casa o Princesa precisa partir para cima em busca de construir um bom placar, para que no jogo da volta a equipe possa atuar com o regulamento embaixo do braço e não dependa de buscar o resultado na casa do rival.

“A gente procura não criar muita expectativa. Estamos trabalhando, sabemos da força do nosso adversário, mas o Princesa também é forte. Temos que acreditar na nossa equipe e trabalhar como estávamos trabalhando, para que possamos fazer um ótimo jogo dentro de casa e decidir na casa deles tranquilamente com um bom resultado”, avalia o defensor.

Decidir a vaga em casa, aliás, era a preferência de Deurick. Porém, conforme o zagueiro, quem quer subir não pode ficar escolhendo adversário ou lugar para jogar. “Série D é assim, são muitas dificuldades para quem quer subir, começando por viagem, campos, tempo… Eu acho que a gente tem que focar no nosso adversário, fazer um resultado positivo e ir para lá ciente de que podemos trazer a classificação para o Amazonas”, minimizou.

Pés no chão

Além do trabalho dentro de campo, o técnico Zé Marco terá de trabalhar a mentalidade do atleta para esta partida, para que a euforia da torcida não contamine o elenco. “Sem dúvidas, temos que trabalhar todos os aspectos, inclusive o psicológico, para mantermos os pés no chão e seguir trabalhando com muita humildade e respeito ao adversário, que é uma grande equipe”, avalia.

Para esta partida, o comandante alvirrubro terá alguns problemas para escalar a equipe. O zagueiro Deurick e o atacante Jefferson são dúvidas para o confronto. O primeiro está com uma lesão no joelho, já o segundo segue com uma contusão na parte posterior da coxa. Em compensação, o lateral-direito João Rodrigo e o meia André Lima estão de volta após cumprirem suspensão na última rodada.

Dessa forma, o time do Princesa que entrará em campo deve formar com Rascifran; João Rodrigo (Getúlio), Danilo, Deurick (Hitalo), Guilherme; Denis, Toró, Michell Parintins, André Lima (Gelvane); Edinho Canutama e Jefferson (Leonardo).

Por André Tobias

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir