Economia

Previsão do mercado para taxa de juros sobe pela 2ª semana, e vai a 14%

A taxa de juros Selic deve fechar 2015 em 14% ao ano, segundo o centro das estimativas (mediana) de economistas e instituições financeiras consultadas pelo Banco Central. É o segundo ajuste da previsão em apenas duas semanas.

Na semana passada, a expectativa era de que a Selic ficasse em 13,75% e, na semana anterior, em 13,50%. Hoje, a taxa está em 13,25%.

As informações fazem parte do boletim Focus, divulgado semanalmente pelo Banco Central.

Quanto mais alta a taxa Selic, maior o custo do empréstimo no Brasil. Por isso, ela é um dos principais instrumentos do governo para o combate à inflação.

Para 2016, a previsão é que a Selic fique em 12%, a mesma da semana passada.

O resultado da pesquisa vem após a divulgação do PIB brasileiro no 1° trimestre, que teve queda de 0,2% e foi a R$ 1,408 trilhão.

Os economistas já vinham sendo consultados, no entanto, antes da divulgação desses dados, por isso eles não foram levados em conta para todas as análises.

PIB, INFLAÇÃO E CÂMBIO

A previsão dos economistas sobre o PIB do ano oscilou de 1,24% de queda na semana passada para 1,27% nesta semana.

Para 2016, a expectativa é que o PIB tenha alta de 1%, como na semana passada.

Segundo a previsão dos economistas, o IPCA, considerado a inflação oficial, deve ficar em 8,39% em 2015. Há uma semana, esperava-se um IPCA em 8,37%.

Para 2016 foi mantida a previsão de IPCA em 5,50%.

A previsão para a taxa de câmbio no fim do ano foi mantida em R$ 3,20 para 2015 e em R$ 3,30 em 2016, como na semana passada.

 

Por Folha Press

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir