País

Presos da operação Hashtag ficarão isolados por pelo menos 20 dias

Os dez investigados presos na quinta (21) na operação Hashtag, que apura se um grupo de brasileiros ligados ao Estado Islâmico preparava atos de terrorismo no país, ficarão isolados por pelo menos 20 dias.

Detidos no Presídio Federal de Campo Grande (MS), eles ficarão em celas isoladas, sem contatos com outros detentos, podendo falar apenas com seus advogados.

O banho de sol coletivo também está proibido. Os investigados tomarão sol nas próprias celas, que têm solários.

Segundo informações do Ministério da Justiça os detidos ficarão pelo menos 20 dias nesse esquema de isolamento.

O juiz Marcos Josegrei da Silva, da 14a. Vara Federal do Paraná decretou prisão temporária de 30 dias renováveis por mais 30.

“As prisões vão encerrar esse momento de investigação, de coleta de material para ver o que se converte em prova. Não podemos minimizar nem exagerar fatos nessa fase”, disse o juiz à reportagem.

O suspeitos fazem parte de um grupo que estava sob monitoramento pelo governo interino por fazer elogios, compartilhar conteúdo favorável a grupos extremistas e atentados terroristas..

A operação foi a primeira ação anti-terror da PF depois da aprovação da lei que tipificou os crimes dessa natureza.

Por Folhapress

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir