Dia a dia

Preso homem que matou ex-companheira com golpes de faca, em Itapiranga

Preso homem que matou ex-companheira com golpes de faca, em Itapiranga - foto: divulgçaão

Preso homem que matou ex-companheira com golpes de faca, em Itapiranga – foto: divulgçaão

Jésio Guedes Gama, 38,  foi preso em Itapiranga ( a 227 quilômetros de Manaus), na manhã desta terça-feira (28), pelo feminicídio da ex-companheira dele, Elene Márcia Andrade da Cruz, cometido na última sexta-feira ( 24). A vítima tinha 30 anos.

De acordo  com  o delegado João Manuel Filgueiras, titular em exercício da Delegacia de Itapiranga,  o fato ocorreu em cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido segunda-feira (27), pela juíza da Comarca de Itapiranga, Articlina Oliveira Guimarães. Conforme João Manuel, a vítima já havia sido ameaçada de morte após o término do relacionamento, pois o infrator não aceitava o fim da relação.

No dia do crime Jésio teria ido à casa de Elene e iniciado uma discussão por conta de um suposto relacionamento amoroso que ela estaria tendo.

“Jésio teria ficado bastante transtornado e se armou com uma faca de cozinha. Em seguida ele desferiu golpes na região abdominal de Elene. Logo após cometer o crime fugiu do local sem prestar socorro. A mulher chegou a ser socorrida com vida. Primeiramente foi atendida no hospital de Itapiranga e, em seguida, foi transferida para o Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, na capital, onde veio a óbito no mesmo das agressões, por volta das 14h “, explicou Manuel.

O delegado ressaltou, ainda, que o caso causou grande comoção nos moradores de Itapiranga, pois o crime foi cometido na frente dos dois filhos do ex-casal, de um e três anos de idade. “Populares realizaram protestos e cobraram justiça. Tivemos conhecimento da ocorrência e, de imediato, demos início às diligências para que pudéssemos dar uma resposta rápida aos comunitários em geral”, disse.

Jésio confessou a autoria do crime e foi indiciado por feminicídio. Após os procedimentos cabíveis na 38ª DIP ele permanecerá preso na carceragem da delegacia, que também funciona como unidade prisional em Itapiranga.

Com informações da assessoria

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir