Dia a dia

Preso em Maués por assassinar autônomo, homem se diz arrependido

 ‘Rai’ foi autuado pelo crime de homicídio qualificado e será levado para a cadeia pública - foto: Ana Sena


‘Rai’ foi autuado pelo crime de homicídio qualificado e será levado para a cadeia pública – foto: Ana Sena

O vendedor ambulante Railson Paiva Moraes, o ‘Rai’, 20, foi preso na tarde da última quarta-feira (22), no bairro Novo, município de Maués (a 276 quilômetros da capital), suspeito de esfaquear o autônomo José Carvalho, 40, dia 16 de fevereiro deste ano.

Conforme a polícia, Railson estava sob efeito de entorpecentes e discutiu com sua companheira, quando a vítima tentou apartar a briga e acabou sendo esfaqueado no peito.

Em depoimento, ‘Rai’ afirmou que estava muito arrependido e disse só esfaqueou a vítima porque José se envolveu na briga dele com a esposa. “Eu me arrependo muito do que eu fiz. Estava com medo de me entregar à polícia, por isso um dia depois do crime, eu fugi para me esconder em Maués”, relatou. ‘Rai’ negou estar sob efeito de drogas e disse que estava “somente embriagado”.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito não tem nenhuma passagem pela polícia e também não conhecia José antes de matá-lo.

O adjunto da Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros (DEHS), Daniel Leão, informou que o acusado estava escondido dentro da casa da tia dele, quando policiais civis do município o encontraram.

“O delegado da cidade recebeu uma denúncia informando que ele estava escondido e a partir disso foi expedido um mandando de prisão para ele”.

‘Rai’ foi autuado pelo crime de homicídio qualificado, e após prestar depoimento na delegacia, ele foi levado à cadeia pública, no Centro.

Por Ana Sena

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir